Ana Paula Valadão pede votos para candidato citado em suposta lista de propina

ana-paula-joao-leiteA cantora Ana Paula Valadão, líder do Diante do Trono, voltou às redes sociais para apoiar e participar de uma campanha política.

Trata-se do candidato do PSDB que concorre em segundo turno pela prefeitura de Belo Horizonte, João Leite. No vídeo de 1 minuto, Ana Paula diz que os cristãos não podem deixar passar a oportunidade de ter um evangélico em posição de autoridade na cidade: “Um cristão que teme a Deus”, segundo ela.

João Leite é evangélico e ex-jogador do Atlético-MG. Foi candidato a prefeito de BH outras duas vezes, sem sucesso. É apontado como tendo posições contraditórias, sobre a homossexualidade e a polícia militar. Em 2006 foi acusado por Paulo Menecucci, ex-diretor de Infra-estrutura e Tecnologia dos Correios, de receber 205 mil reais em caixa dois para sua campanha de prefeito em 2004 na capital mineira: “Essa quantia foi doada pela Usiminas e repassada, integralmente, para a campanha do deputado João Leite”, disse Paulo na CPI dos Correios.

Ele também foi acusado por seu adversário atual, Kalil (PHS), de integrar a chamada “lista de FURNAS”: “O nome dele (João Leite) está na lista e qualquer um pode olhar lá”, afirmou Alexandre Kalil durante o último debate de 2º turno realizado pela RedeTV!, Veja e UOL. João Leite disse que irá acionar Kalil no TRE por crime de calúnia e difamação, por divulgar “fatos inverídicos”.

Na última pesquisa IBOPE para a prefeitura de Belo Horizonte, encomendada pela TV Globo, Alexandre Kalil (PHS) aparece em 1º lugar com 39% das intenções de voto, contra 36% de João Leite (PSDB). Brancos e nulos somam 20%, e indecisos são 5%. Considerando a margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, os candidatos estão tecnicamente empatados, o que acirra ainda mais a troca de farpas e a busca por votos.

Tadeu Ribeiro
[email protected]
com informações de O Tempo, UOL e Folha de S. Paulo.