Baixista de Leonardo Gonçalves morre atropelado e ele homenageia

O baixista André Rodrigues, que ministrou em diversas ocasiões com o cantor gospel Leonardo Gonçalves, morreu atropelado no último domingo (01), enquanto andava de bicicleta no Aterro do Flamengo, região sul do Rio de Janeiro.

Leonardo Gonçalves presta homenagem a amigo atropelado no Rio.

Ontem, Leonardo Gonçalves utilizou suas redes sociais para homenagear o amigo e parceiro: “Nenhum músico tocou mais faixas em mais discos diferentes em toda a história da minha carreira e ministério”, disse Leo.

O baixista participou da gravação de diversos singles de Gonçalves, que ele fez questão de citar em sua mensagem de luto e despedida: “Em Poemas e Canções: as faixas Somente Seu, Senhor; Coração; Presente de Deus e Muro/Em Viver e Cantar: Um Dia e Livre Sou/Avinu Malkenu: I’shana habaa e v’haer enenu/Princípio e Fim: as músicas Novo; Viver o Amor e Jamais.”

Segundo testemunhas, o carro que atropelou o músico fugiu sem prestar socorro à vítima. Ele foi levado ao hospital Souza Aguiar, que fica no centro do Rio, mas acabou não resistindo após sofrer três paradas cardíacas.

André Rodrigues era baixista e arquiteto, já trabalhou com Leonardo Gonçalves, Lulu Santos e Vanessa da Mata, tinha 50 anos, e foi morto deixando três filhos e sua esposa.

Tadeu Ribeiro
[email protected]