Historiador encontra o que seria a primeira imagem real de Jesus Cristo

Um investigador e estudioso da Bíblia acredita ter encontrado o primeiro retrato de Jesus Cristo. Uma figura ligeiramente diferente da pintada pela Igreja.

Um imagem, gravada numa moeda, do Rei Manu, que governou o reino de Edesa, na Mesopotâmia, pode ser o primeiro, e único, retrato de Jesus Cristo.

O investigador e historiador bíblico Ralph Ellis acredita ter dados que comprovam que o Rei Manu e Jesus Cristo são a mesma pessoa.

Assim, a efígie da moeda, que mostra um homem de barba e coroa de espinhos, é na verdade de Jesus Cristo.

Ellis, que há muitos anos estuda a Bíblia e procura encontrar uma relação entre factos históricos e personagens bíblicas, fala em “semelhanças surpreendentes” entre Jesus Cristo e Manu.

Como Ellis, muitos historiadores acreditam que Jesus de Nazaré existiu mesmo e que foi crucificado por Pôncio Pilatos, algures no Século I. Na mesma altura em que vivei Manu e foi cunhada a moeda agora descoberta.

Segundo relatos da época, tanto Jesus como Manu são descritos como judeus nazarenos, vistos como uma ameaça aos romanos, que dominavam a região.

Jesus Cristo foi o único dos condenados a ser crucificado com uma coroa de espinhos, um símbolo tradicional dos monarcas de Edesa usavam uma coroa de espinhos, como se pode ver nas moedas.

(Diário de Noticias)