Marca da besta? Chips começarão a ser implantados aqui no Brasil por R$490

No próximo sábado, 11, começa em São Paulo o Roadsec, um festival de cultura hacker organizado anualmente. Amal Graafstra, um norte-americano que se diz inventor do biochip programável, estará no evento distribuindo implantes de chip.

Graafstra também é conhecido como um dos primeiros biohackers do mundo. Ele possui dois microchips que usam tecnologia RFID implantados nas mãos, que ele usa para abrir portas, dar partida em seu carro e fazer login no seu PC pessoal.

Quem quiser ter um desses chips implantado em si mesmo poderá pagar R$ 490 por um implante que será feito na mesma hora, no próprio evento. Cada chip tem o tamanho de um grão de arroz e fica na mão da pessoa. Os dispositivos podem ser programados com as mais diversas funções.

Entre as possíveis funções estão “substituir crachás de proximidade, destravar celulares compatíveis com a tecnologia NFC e armazenar informações pessoais, como ficha médica ou senhas de uma carteira de bitcoin”, indicou a um porta-voz do Roadsec ao Olhar Digital.

O Rodsec será realizado num clube na zona oeste de São Paulo (saiba mais aqui). Vale lembrar que, além dos R$ 490 do implante, o ingresso para o evento custa entre R$ 80 e R$ 240.

(Olhar Digital)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *