Marcos, da dupla com Belutti, diz ter sido expulso de sua igreja evangélica após ser pai

Em entrevista à Veja o cantor Marcos, da dupla sertaneja Marcos e Belutti, falou sobre sua relação com a religião e lembrou que foi expulso da igreja por ter engravidado uma namorada quando ele tinha apenas 14 anos. Mesmo com a decisão da congregação, ele não se afastou dos caminhos do Senhor e hoje ainda é evangélico.

O cantor frequentava uma igreja batista tradicional que tinha uma assembleia para excluir a aceitar membros. Quando a notícia de que ele seria pai chegou na igreja, sua expulsão seria certa.

“O pastor, que era muito amigo meu, me avisou que eu seria excluído do hall de membros. Eu poderia continuar frequentando a igreja, mas não poderia mais cantar lá, nem fazer parte de nenhum ministério”, lembra o cantor.

Foi o pastor que pediu para que ele fizesse uma carta de exclusão antes de ser expulso pela assembleia e assim ele fez. “Na época, minha frequência na igreja diminuiu, mas hoje ou faço parte dos membros de novo”, revelou o artista.

Marcos entende que aquela humilhação que ele passou fazia parte da doutrina da igreja e reconhece que cometeu um erro. “Mas hoje está tudo bem”, declarou o sertanejo. “Agradeço a Deus pelo o que passei. Tudo isso ajudou a construir quem eu sou hoje”.

Marcos e a namorada, hoje sua esposa, estão juntos há 20 anos. Larissa, a filha que ele teve aos 14 anos, tem 17 anos e o casal teve outros dois filhos Lizandra, de 8 anos, e Léo, de 3 anos.

(JM)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *