Pabllo Vittar detona evangélicos na internet e apaga publicação depois

O cantor Pabllo Vittar utilizou sua conta no Facebook para criticar a postura de alguns líderes e seguidores evangélicos, que bombardeiam a imagem e as redes sociais do cantor na internet.

Pabllo afirmou que os evangélicos “são um saco”, e que possuem um ar de superioridade em relação às demais pessoas. Ele finalizou pedindo que os religiosos parassem de julgar tanto, e começassem a amar mais: “Esses evangélicos são um saco, eles acham que são melhores que todo mundo. Para de julgar e ame mais as pessoas…”, publicou. Depois de algumas horas, e milhares de comentários contra e a favor, o cantor decidiu apagar a mensagem, mas os prints não param de circular na web (confira abaixo).

Pabllo Vittar critica evangélicos.

Pabllo Vittar é uma das maiores figuras do cenário atual da música no Brasil. Suas músicas já possuem milhões de visualizações no Youtube, diversas parcerias, inclusive internacionais, foram firmadas e trouxeram ao cantor um reconhecimento absurdamente grande.

E a relação dele com a religião evangélica não é nova. Pabllo Vittar afirmou no ano passado à revista Época, que começou a cantar na igreja evangélica, influenciado por sua mãe: “Comecei a cantar numa igreja presbiteriana perto de casa”, disse na ocasião. Mas os evangélicos mais tradicionais não compraram muito a proposta de Pabllo. O famoso pastor Samuel Mariano, inclusive, chegou a afirmar que ele “não cantava nada que preste”, durante um culto. Vittar se denomina homossexual e drag queen, e afirma que não costuma se encaixar em um único gênero, permitindo às pessoas que se dirijam a ele como “o Pabllo”, ou “a Pabllo”. Ele já explicou que o negócio dele é “transitar”.

Tadeu Ribeiro
[email protected]