Retribuindo o Amor Enviado, Gratuitamente, Por Deus

“Para libertar você, entrego nações inteiras como preço de resgate, pois para mim você vale muito. Você é o povo que eu amo, um povo que merece muita honra.” Isaias 43:4

Nesse pequeno versículo, Deus mostra o seu infinito e rico amor por nós, Ele nos afirma que seria capaz de entregar nações inteiras por nós, e que nos ama de uma forma que não pode ser explicada. Mas agora eu vou levantar um questionamento em nossas mentes que Deus tem me dado há alguns dias: Será que estamos retribuindo, de maneira correta, este amor?
Talvez você fosse que nem eu, que até algum tempo atrás estava vivendo para agradar alguma religião, alguma pessoa ou até mesmo se mostrar mais confiante para os outros. De uns dias pra cá, Deus tem me mostrado a verdadeira razão de muito sofrimento na minha vida e no mundo: A falta de amor para com Ele. Deus não mediu esforços para nos amar, tanto é que entregou seu único filho para morrer por nós, Jesus não mediu esforços para completar esse plano amoroso por nós e escolheu morrer por mim e por você, demonstrando um ato de amizade, paternidade, carinho e acima de tudo de amor. Será que estamos amando realmente o Senhor? Será que estamos dando a Ele a devida confiança e o devido carinho que Ele merece?
Tudo, absolutamente tudo, está sob o controle do Pai, está debaixo da sua mão, assim como nós, mas muitas vezes, achamos que somos donos do nosso próprio caminho, que somos independentes, ou até, que somos livres para atuar da maneira que queremos e pensamos ser correta. Mas isso está errado! Deus deve ser o centro das nossas atenções, Ele deve ser o principio o meio e o fim, tudo se resume a Ele, tudo se arruma com Ele. As nossas provações e deficiências só nos mostram uma coisa: Somos totalmente fracos, e muitas vezes, burros também, pois Deus está nos afirmando que quer nos ajudar, que quer manter uma intimidade maior conosco, que quer fluir mais amor em nossas vidas, e mesmo assim, nós prosseguimos sozinhos, achando que estamos indo bem, que estamos no caminho certo.
Perguntado sobre os mandamentos, Jesus respondeu que o mais importante era o de amá-lO acima de todas as coisas, de toda a sua alma e de todo o seu pensamento (Mateus 22:37), será que nosso dia-a-dia estamos fazendo isso? Será que estamos deixando de lado o principal mandamento? Todas as nossas dores, os nossos sofrimentos, as nossas dificuldades e barreiras só podem ser resolvidas pelo sangue do Cordeiro, se você começar a amar o Cordeiro de uma forma mais especial e intensa, Ele irá fazer fluir do seu interior mais e mais amor, até você se perguntar: “De onde vem tanto amor?”, Ele vai te amar mais e vai te ensinar a amá-lO mais também. Jesus é a fonte do amor, o ser mais amigo que possa existir. Talvez você esteja adorando a um Deus que está no céu sentado no trono, realizando o bem e o mal e que não aceita nada; Mas você deve adorar a um Deus que acima de tudo é seu AMIGO e PAI, que compreende os seus defeitos, ensina-o a caminhar mais firme, conta história para você dormir tranquilamente em seus braços, que sara as suas feridas, que te ama, que quer te ver bem e que acima de tudo, demonstra o seu cuidado e carinho por nós, e está pedindo apenas para ser amado.
É até espantoso ver por este lado não é?! Mas é porque nós mesmos complicamos muito as coisas, queremos oferecer sacrifícios, sangue, animais, mas na verdade a única coisa que Deus está te pedindo é AMOR. Pense nisso, e não se desvie desse amor, mas cultive-o dentro de você, não deixando que nada nem ninguém estrague-o.
Tadeu Ribeiro


Comente!

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tadeu Ribeiro

Tadeu Ribeiro é editor-chefe e fundador do Portal do Trono. Atualmente é estudante de Direito na Universidade Federal de Campina Grande. Apaixonado por Deus, pela música e pela informação. Um chamado que está sendo atendido, e edificado milhões de vidas no Brasil e no mundo.

CLOSE