“Sabemos exatamente o que é essa dor”, diz Eyshila sobre tragédia com avião da Chapecoense

chapecoense-sobreviventesSolidariedade e comoção tomou conta das redes sociais após a confirmação da tragédia com o avião que transportava a delegação da Chapecoense até Medellín, na Colômbia, na madrugada desta terça-feira (29), que vitimou mais de 70 pessoas, entre jogadores, repórteres e comissão técnica.

Diversos cantores e artistas cristãos enviaram suas mensagens de apoio às famílias de todas as vítimas, e aproveitaram para orar pelos que ficaram e ainda se recuperam.

A cantora Eyshila, que perdeu seu filho no início desse ano após uma meningite, disse que sabia exatamente como era a dor da perda: “Nossos sinceros sentimentos aos familiares que choram a partida dos seus amados entes queridos. Sabemos exatamente o que é essa dor. Declaramos que, em nome de Jesus, vcs vão vencer! Que o Espírito Santo abrace cada um. Que a presença de Deus preencha cada espaço vazio. Choramos com vcs! #omilagresomosnós #chapecoense#oremospelosenlutados”

André Valadão relembrou o show que realizou com sua turnê “Crer para ver” na cidade de Chapecó, berço do clube: “Este ano no dia 21/04 estive na linda cidade de #CHAPECÓ levando a turnê #CrerParaVer. Hoje, uma Tragédia. todos estamos sujeitos a morte todos os dias. E que o consolo do Espírito Santo venha sobre todos os familiares, torcedores. Choramos e oramos por todos. #DeusTemMisericordia. #tristeza #dor #morte #luto #chapecoense #sc#ForçaChape”.

Leonardo Gonçalves, que está em fase final de sua turnê “Princípio”, resumiu-se a dizer que não sabia expressar o que estava sentindo: “não há palavras. simplesmente não há palavras.”

O jogador evangélico Kaká publicou uma mensagem dizendo estar com o coração abatido: “Hoje acordei com a triste notícia… Meu coração se abateu e minhas orações se voltaram ao acontecimento, peço a Deus que conforte os familiares, amigos e envolvidos. Companheiros de profissão, jornalistas, comissários, empresários… Pessoas! Meu mais profundo sentimento”, disse.

No voo estavam 81 pessoas, incluindo 72 passageiros e nove tripulantes. No total, eram 48 membros da Chapecoense, incluindo 22 jogadores, 21 jornalistas e três convidados, além da tripulação. O modelo do avião é o Avro Regional Jet 85, também conhecido como Jumbolino, de matrícula CP-2933, produzido pela British Aerospace. O avião tem lugar para 95 pessoas.

Tadeu Ribeiro
[email protected]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *