Traição no namoro também é pecado?

traição namoro

A resposta direta é: Sim, no namoro e no casamento. Vejamos o porquê.

Acredito que nós, seres humanos, somos muito ligados e preocupados com ritos, cerimônias, leis e padrões, nos esquecendo do porquê que cada uma destas coisas são criadas: Salientar a importância das relações entre os seres humanos ou para com Deus.

Por que digo isso? É porque muitos acreditam que a traição só se dá quando algo é oficializado. No caso, muitos acreditam que traição só é traição quando há um papel oficializando uma relação, como se vê no casamento em sua certidão de casamento. Mas vejamos o outro lado: Quando ocorre uma traição no casamento, não é a certidão de casamento que se sente traida, mas sim uma pessoa que se comprometeu ser fiel à outra e a mesma percebe que não foi correspondida. A traição diz respeito e se refere às relações diretamente.

Assim, respondendo à sua pergunta, traição é a mesma coisa tanto no casamento quanto no namoro e essa traição se torna pecado porque é um mal praticado de forma consciente e contra uma pessoa que se torna vítima de quem o faz. O pecado não está desdenhado pela destruição de algo que foi um dia oficializado, como é o caso da traição no casamento, mas sim na maldade praticada com vontade para tal, ao ponto de ferir uma pessoa mesmo que ela saiba ou não do ato. Errar é humano; errar consciente do erro é pecado.

Espero ter respondido sua dúvida.

Carlos Chagas.



Comente!

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tadeu Ribeiro

Tadeu Ribeiro é editor-chefe e fundador do Portal do Trono. Advogado, graduado em Direito pela UFCG. Apaixonado por Deus, pela música e pela informação. Um chamado que está sendo atendido, e edificado milhões de vidas no Brasil e no mundo.

CLOSE