Vereador evangélico ameaça prender Pabllo Vittar: “Mesmo que depois eu seja preso”

Pabllo Vittar já ultrapassou muitas barreiras como uma cantora drag queen, fazendo sucesso entre os mais diversos círculos sociais. No entanto, ainda passa por situações de extremo preconceito. É o que aconteceu depois da cantora ser confirmada na München Fest, uma das principais festas da cidade de Ponta Grossa, Paraná.

Com isso, o vereador Ezequiel Bueno, que é pastor evangélico, ficou muito incomodado com o fato da cantora ser drag queen, fazendo até ameaça de prisão. “Quero lamentar por que vão trazer essa pessoa para Ponta Grossa, em uma cidade família. Em uma cidade em que brigamos no plano de educação para tirar ideologia de gênero nas escolas. Na nossa cidade somos conservadores, pais, mães e trabalhadores. Pelo amor de Deus gente, o que é isso na nossa cidade”?, escreveu em seu blog.

De acordo com o vereador, a cantora visitaria escolas com o deputado federal Jean Wyllys para falar sobre diversidade social. Por esse fato, ele ficou ainda mais irritado: “Quem quiser ir no show pode ir sem problema, desde que não seja com o meu dinheiro. E acho que vai pouca gente. Mas se inventar de sair na rua ou nas escolas, eu vou prender. Mesmo que depois eu seja preso por abuso de autoridade. Eu não vou deixar uma pessoas dessas entrar nas escolas e ensinar diversidade sexual para as crianças”, completou.

Seria este mais um político querendo visibilidade em cima de artista pop? Fato é que nenhum vereador o político tem competência para prender ou determinar a prisão de alguém, a não ser em caso de flagrante, quando qualquer pessoa do povo pode dar voz de prisão, segundo o Código de Processo Penal. Como não se aplica ao caso, tendo em vista que não há crime algum configurado, o parlamentar poderá, inclusive, perder seu cargo por quebra de decoro. Por ser vereador, ele não possui foro privilegiado como deputados e senadores.

O show de Pabllo Vittar na München Fest está marcado para 5 de dezembro.

(Popline)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *