Zorra Total da TV Globo mostra diabo conservador e Deus mulher

No último sábado (2), um dos esquetes do humorístico Zorra Total fez piada com assuntos religiosos em tom de crítica política. Com o título “Deus Mulher” e mais de três minutos de duração, o quadro mostrou um pastor ao chegar no céu.

Lá, ele procurou por Deus e o encontrou como mulher, interpretado por Débora Lamm.

– Eu sou tudo, eu sou negro, negra, judeu, árabe, LGBTQ, menino, mendigo, deputado, maromba, gordinho, pastor. Eu posso ser o que eu quiser – disse Deus caracterizado de diversas maneiras.

Cansado, Deus mulher fala para o pastor dar uma volta e o manda ao inferno. Lá ele encontra o diabo, como geralmente é caracterizado, e afirma que está a figura é como ele imagina.

– Eu sou pela tradição, sou um conservador – afirmou o diabo.

(Pleno News)