Conecte-se conosco

Brasil e Mundo

“Chuva de sangue” pode atingir o Reino Unido nesta semana; entenda

Publicado

em

Previsões meteorológicas indicam possível "chuva de sangue" no Reino Unido devido à poeira saariana transportada pelo vento

O Reino Unido está na iminência de vivenciar um fenômeno meteorológico peculiar, conhecido como “chuva de sangue”, de acordo com as previsões meteorológicas.

O que é a “chuva de sangue”?

A expressão “chuva de sangue” refere-se à precipitação que carrega partículas de areia provenientes dos desertos. As tempestades no deserto do Saara, situado a mais de 3 mil quilômetros de distância, frequentemente agitam a poeira, que é então transportada em direção ao Reino Unido, como explica o serviço nacional de meteorologia britânico, Met Office.

Quando essa chuva cai, apresenta uma coloração avermelhada e, ao secar, deixa uma fina camada de poeira da mesma cor sobre casas, carros e objetos ao ar livre, especialmente em chuvas breves.

“A poeira saariana está sendo transportada para o norte e vai afetar o Reino Unido nos próximos dias, após as recentes tempestades de poeira no norte da África”, afirma Marco Petagna, meteorologista da Met Office.

Quão raro é esse fenômeno?

Embora mais comum no sul da Europa, como Espanha e sul da França, que estão mais próximos do Saara, a “chuva de sangue” também pode ocorrer em regiões distantes, como a Escandinávia. No Reino Unido, o fenômeno ocorre algumas vezes por ano, mas a poeira vista geralmente é amarela ou marrom, misturada em concentrações baixas, o que faz com que a chuva pareça comum.

“Como em outras partes do mundo, o vento pode soprar fortemente sobre os desertos, levantando poeira e areia para o alto do céu. Se os ventos na parte superior da atmosfera soprarem para o norte, a poeira pode ser transportada até ao Reino Unido”, explica o Met Office.

O fenômeno não é tão espetacular quanto pode parecer, e as diferentes cores de areia no Saara contribuem para variações na cor da chuva e da camada que ela deixa. O especialista em clima Philip Eden destaca que é mais provável que a coloração seja areia ou marrom, não sendo tão raro quanto se imagina.

Um caso notável de “chuva de sangue” ocorreu em 2001 no estado indiano de Kerala, onde, durante a temporada de monções, chuvas vermelhas persistiram por várias semanas, manchando roupas. Investigações sugeriram que a coloração se devia à poeira levantada da Península Arábica.

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR!

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página