Conecte-se conosco

Mundo Cristão

David Miranda Neto responde se Deus é Amor vai abandonar o arco-íris por causa do movimento LGBT

Publicado

em

Arco-íris faz parte da identidade da Igreja Pentecostal Deus é Amor - Foto: Divulgação

David Miranda Neto, pastor da Igreja Pentecostal Deus é Amor, e líder do Ministério Regenere, respondeu um seguidor se a instituição evangélica, uma das mais antigas do Brasil, vai eliminar o arco-íris da sua identidade.

Um seguidor perguntou ao líder religioso se a igreja, na qual faz parte, vai tirar o símbolo por lembrar o movimento LGBT. Criada em 1979, a bandeira arco-Íris, também conhecida como Bandeira do Orgulho Gay, é um símbolo da Comunidade Gay e do Movimento LGBT atualmente. Faz parte também da identidade da Deus é Amor.

David Miranda gravou um vídeo para responder seu seguidor, que não teve o nome revelado. Na mensagem, o líder do Ministério Regenere lembrou que o movimento LGBT se apropriou do símbolo, considerado bíblico pelos cristãos.

“O arco-íris, que tem sido usado pelo movimento LGBT, foi criado por um artista de São Francisco em 78 do século passado. Ele usou esse símbolo para representar a diversidade, algo da natureza representava aquilo que ele tanto defende, na sua causa”, iniciou.

Em seguida, o neto do saudoso David Miranda, explicou o real significado do arco-íris.

“O arco-íris original foi um sinal, uma aliança que Deus deu à humanidade logo após o dilúvio, da arca de Noé, quando Deus basicamente recomeçou a terra, depois de tantos pecados, iniquidades terem se multiplicado, ele recomeçou a através da família de Noé”, lembrou.

“Eu acredito completamente nessa história e temos relatos arqueológicos que comprovam que isso de fato aconteceu, e foi uma aliança que Deus fez com a humanidade, como uma promessa que a Terra não voltaria a ser destruída por água”, falou.

“Provavelmente ela vai ser destruída novamente no fim dos tempos, no Apocalipse, mas não por água”, finalizou ele dizendo, ainda, que o movimento LGBT se apropriou do símbolo cristão. Além disso, David indicou que o arco-íris não vai ser extinto da identidade da IPDA. Assista:

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página