Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Ezenete Rodrigues relata visão que teve sobre 2023: “Trevas sobre o Brasil”

Publicado

em

Pra. Ezenete Rodrigues no Clamor pelas Nações - Imagem: Captura de tela/YouTube

A pastora Ezenete Rodrigues, da Igreja Batista da Lagoinha, compartilhou sobre uma revelação que recebeu de Deus e que está acontecendo agora no Brasil. A líder religiosa falou às centenas de congressistas no ‘Clamor pelas Nações 2023’.

Segundo a pastora, um “exército das trevas” já está atuando com grande fúria sobre o País.

“Há dois anos, o Senhor me levou a alguns lugares e me disse: Você está vendo esta dimensão? O inferno se prepara e daqui a dois anos demônios serão liberados para arrasar a terra. Clame, porque parte do meu povo não está preparada”, disse ela durante o evento.

Ezenete complementa dizendo que o aviso de Deus que recebeu era para o início de 2023: “Deus mostrou o momento exato em que os demônios entraram em nossa nação”.

Na visão que teve, Ezenete Rodrigues disse que viu uma mesa com os demônios recebendo ordens. Além disso, falou que um demônio dizia que havia uma parte (da Igreja) dominada e a outra não.

“A mesa foi ampliada e havia muitas cadeiras altas. E eles diziam: Rápido! Rápido!”, disse. “Um demônio que estava na ponta da mesa dizia: É hora de ação, ação, ação! E ele gritava repetidamente”, completou ela.

“Eles não podem dobrar os joelhos. Eles podem orar, mas não podem dobrar os joelhos. Visite a casa desses que dobram os joelhos”.

A líder do ministério de intercessão da Lagoinha pregou que o mundo das trevas quer “acabar com os círculos de oração e com as consagrações”. “Diante do Senhor, vou falar o que eles diziam: Atormentem o cachorro, atormentem as crianças, tirem a paz, mexam na empresa, façam confusão no trânsito, e rápido. Impeçam essa pequena turma de continuar de joelhos, visitem a casa, visitem o leito e coloquem confusão sobre o casal”, falou.

Por fim, ela contou que precisava comunicar isso a todos, dizendo, ainda, que o mal está com pressa de agir. “O tempo é curto”, disse ela.

Depois dessa visão, a pastora disse que viu os demônios descendo escadas correndo e depois voltando com lanças. “Aquele ser dizia: Perturbem eles, mexam nas emoções. Eles não podem dobrar os joelhos”, continuou.

Ao final, Rodrigues incentivou a todos que orem em todo o tempo, em casa com a família, com os filhos, para quebrar as “barreiras infernais”. Assista:

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página