Conecte-se conosco

Gospel

Filho de Adriane Medeiros tinha planos de ter filhos e conhecer a Terra Santa

A morte trágica do filho da missionária repercutiu nas redes sociais

Publicado

em

Bruno Henrique ao lado da mãe, a cantora gospel e missionária Adriane Medeiros, e ao lado da esposa Lari - Foto: Reprodução/Redes Sociais

Dois dias após a morte de Bruno Henrique, filho da cantora gospel e missionária Adriane Medeiros, a esposa do jovem publicou nas redes sociais um texto emocionante sobre o marido, que sofria de depressão.

Bruno teria tirado sua própria vida na noite de segunda-feira (23/05), após perder a batalha contra a depressão. O jovem era professor de bateria, violão e guitarra, e deixa a esposa Lari Lima.

Lari Lima contou que o esposo era perseverante e que afirmava que morreria músico. Ela falou ainda dos planos do casal de formar uma família. “Cresceu sozinho e forte. O que o Bruno me dizia todos os dias é que ele nasceu músico e iria morrer músico. Ele dizia que esse era o ministério que Deus tinha escolhido pra ele. Ele amava dar aula de música e ver os alunos dele dedicados e aprendendo, ele amava tocar.
A gente planejava ter dois filhos, o Theo e a Maria Alice”, contou a jovem.

Segundo ela, Bruno dizia que queria que os filhos fossem parecidos com o casal, porque ela era “muito chorona e birrenta, e ele era mais fortão”. “A gente dizia que ia pra Israel conhecer a terra do nosso Redentor, e também dizíamos que iríamos pra Itália comer todo tipo de massa (a comida preferida dele era macarrão)”, imendou Lari.

“Eu acordava todos os dias 6 da manhã e subia em cima deve e dava um monte de beijinhos, e ele com cara de sono. Eu dizia o tanto que eu amava ele. Já a noite ele vinha e me dava um monte de beijinho, ficava dizendo o tanto que eu era preciosa e eu brigava pra ele me deixar dormir”, conta.

A jovem finaliza dizendo que a partida de Bruno deixa um rastro de tristeza, mas que crê que o professor de música está ao lado de Deus neste momento.

“Enfim nem lágrimas me descem mais, creio que o meu Senhor o levou e que ele está em paz com Cristo. Para os alunos, saibam que ele amava dar aula e ver o crescimento de vocês. Não parem de tocar e louvar a Deus. O meu amado morreu, mas ele está eternizado no meu coração”, finalizou ela.

Ainda nas redes sociais, Lari fez um pedido às pessoas diante dos seus entes queridos que estejam passando pelo mesmo problema que Bruno enfrentava.: “Se vocês amam alguém que tem algum problema psicológico, procure ajuda de médicos, psicólogos, de Deus. Mas não deixe a pessoa passando por isso sem ajuda”, disse ela.

DESABAFO DA MÃE

Poucas horas após a morte do filho, a cantora gospel e missionária Adriane Medeiros publicou um vídeo lamentando a morte do filho. Bastante emocionada, falou da morte de Bruno.

“Meu filho está com Cristo. Tenho certeza plena. Ontem Deus falou muito ao meu coração e a única coisa que eu posso dizer é ‘até breve’. A minha vida foi de muitas perdas, muitas lutas, mas em nenhum momento eu faleci, em nenhum momento eu desisti da minha fé. Em nenhum momento eu abandonei o altar do meu Senhor, e não será agora que eu vou desistir”, disse ela.

“Eu sei que em breve eu vou estar com ele. Ontem pude colocá-lo no meu colo, pude cheirar meu filho e devolver ao Senhor. Eu pude devolver meu filho e eu pude entregar meu filho a Deus”, completou a missionária.

A cantora também fez um pedido às mães para que elas não venham a desistir de seus filhos. “Porque a gente não sabe o dia, não sabe a hora”, disse ela.

  • RECEBA NOTÍCIAS DO PORTAL DO TRONO DIRETAMENTE DO WHATSAPP!













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página