Conecte-se conosco

Gospel

Imprensa destaca polêmicas em torno de Renálida Carvalho: “Luxo, Pix, Gretchen Gospel”

Publicado

em

Jornais destacam polêmicas envolvendo a "Pastora do Pix" Renálida Carvalho

A polêmica envolvendo a pastora Renálida Carvalho, conhecida como “pastora do Pix”, ganhou destaque na imprensa nacional nos últimos dias. Renálida, que conta com mais de três milhões de seguidores no Instagram, tem sido alvo de críticas devido à sua vida de luxo e à prática de pedir transferências financeiras durante suas transmissões ao vivo.

O portal UOL trouxe à tona a controvérsia, na última quarta, destacando que a pastora, além de abordar temas religiosos, exibe em suas redes sociais uma vida repleta de viagens, roupas de grife, joias e procedimentos estéticos. A matéria ressalta o título sugestivo: “Quem é pastora que ostenta vida de luxo e pede pix em troca de orações”.

O apelido “pastora do Pix” ganhou notoriedade devido à prática de Renálida desafiar seus seguidores a fazerem Pix, inicialmente para o CPF do ex-marido e, mais recentemente, para o CNPJ da igreja, a Comunidade Profética Atos 2. O Jornal Metrópole também abordou a temática, complementando a polêmica com os apelidos como “Gretchen gospel” e “profeta sensual”.

O apresentador Bruno Pereira, da TV Arapuan, afiliada da Band na Paraíba, trouxe a discussão para a TV ao criticar ao vivo a postura da pastora. Destacou que “o verdadeiro profeta de Deus não cobra”. As redes sociais foram palco de inúmeras reações, com cortes de vídeos, críticas e piadas que viralizaram rapidamente.

O Jornal O Tempo, de Belo Horizonte, em matéria desta quinta-feira, abordou o caso enfocando a ampla repercussão nas redes sociais. Renálida Carvalho, que se autodeclara como cantora, pastora e profeta, é apresentada como uma figura que acumula milhões de seguidores, dividindo seu conteúdo entre orações e uma ostentação de vida luxuosa.

A imprensa destaca também a prática de cobrar Pix em troca de orações, utilizando o CNPJ da igreja como chave de transferência. Além disso, internautas relatam a cobrança de ingressos para os cultos da pastora. A reportagem do UOL tentou contato com Renálida Carvalho por ligações e mensagem no Instagram, sem obter retorno até o momento.

O episódio atual reacende polêmicas do ano passado, quando a pastora se separou do ex-marido em meio a boatos de traição e a igreja foi fechada pela Vigilância Sanitária por descumprir medidas sanitárias durante a pandemia. A situação se agravou quando Renálida convocou fiéis para um culto na praia, desrespeitando as restrições em vigor no período. O espaço permanece aberto para manifestações da pastora.

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR!

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página