Conecte-se conosco

Música Gospel

Letra: ‘Meu Carpinteiro’ – Julliany Souza

Publicado

em

Havia um abismo que me separava
E esse vazio, me distanciava
Sobre meus ombros o fardo pesava
Minha intimidade com Deus foi rasgada
No meio da história ele apareceu
Deixando sua glória, seu sangue verteu
Sobre seu corpo levou meu pecado
E costurou o que estava rasgado

Jesus, o meu carpinteiro
Uma ponte edificou, me deu livre acesso
Jesus, me deu o direito de poder chamar Deus de pai
Sou filho dele, sou filho dele

No meio da história, ele apareceu
Deixando sua glória, seu sangue verteu
Sobre seu corpo levou meu pecado
E costurou o que estava rasgado
Jesus, o meu carpinteiro
Uma ponte edificou, me deu livre acesso
Jesus me deu o direito de poder chamar Deus de pai
Sou filho dele

Que eu diminua e que ele cresça
Que eu seja o corpo e ele a cabeça
Que sua vontade em mim prevaleça
Que eu possa aprender como ser sua igreja

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR!

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página