Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Missionária desabafa sobre os últimos instantes de Pedro Henrique: “Prometeu fotos com todos”

Publicado

em

Nesta quinta-feira (13/12), a comunidade gospel foi abalada pela trágica morte do cantor Pedro Henrique, ocorrida após uma apresentação em Feira de Santana, na Bahia. Entre os espectadores, a missionária Carol Leite presenciou os últimos momentos do artista e compartilhou suas angustiantes observações.

A missionária relatou com lágrimas nos olhos os instantes finais de Pedro Henrique: “Eu estava pregando, e quando chegou meu horário, desci para que ele pudesse adorar. Ele passou por mim, e uma moça ao meu lado pediu uma foto. Ele prometeu tirar fotos com todos depois de adorar.”

Carol Leite continuou, detalhando que o cantor expressou otimismo em relação ao futuro: “Ele disse à banda que encerraria com a última música, destacando que seria incrível. Enquanto adorava, falava sobre como o próximo ano seria maravilhoso, apesar de ser o último mês do ano.”

A missionária descreveu a queda abrupta de Pedro Henrique: “Ele começou a cantar e, de repente, parou, foi para frente, com um olhar assustado, e caiu. Eu estava bem na frente dele, e ali comecei a entrar em desespero, orei a Deus. A imagem dele caindo não sai da minha cabeça”.

Entre lágrimas, ela continuou: “Ele entrou no palco pulando, brincando, muito bem. Quando estava terminando, deu um passo para a frente e não voltou. Tentaram reanimá-lo, tudo na nossa frente. Não tenho psicológico.”

Carol Leite destacou o empenho de Pedro Henrique na última apresentação: “O que mais me machuca é que ele estava adorando com tanta força, brincando. Não dá para acreditar, é um pesadelo. Ele faleceu cantando essa música, e quando deu um passo para frente, pareceu que ele viu alguém. Foi um susto e caiu.”

A missionária compartilhou a triste notícia de que a esposa de Pedro Henrique estava assistindo online: “Enquanto ele estava no chão, uma pessoa falou que ele tinha uma filha prematura e esposa, e ela estava assistindo ao vivo.” Carol Leite concluiu sua comovente narrativa destacando a lição deixada pelo cantor: “Ele nos ensinou que cada adoração pode ser a última. Ele deu o melhor dele, e isso tenta me consolar, mas a dor é imensa”.

Pedro Henrique, aos 30 anos, deixa a esposa Suilan Barreto e uma filha de dois meses chamada Zoe. Seus primeiros passos na música foram aos três anos, iniciando uma carreira profissional em 2015. Com quase 900 mil seguidores nas redes sociais, o cantor gospel tinha apresentações marcadas em São Paulo e no Rio de Janeiro.

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR!

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página