Conecte-se conosco

Gospel

Morre apóstolo Wesley Santos, após sofrer tentativa de homicídio na Bahia

Publicado

em

Apóstolo Wesley Santos - Foto: Reprodução/Instagram

Um pregador da Palavra de Salvador (BA), morreu nesta quarta-feira (07/09), após levar um tiro em uma tentativa de homicídio. Segundo amigos e familiares do jovem, ele chegou a ser levado para um hospital ainda com vida, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu dois dias depois da ocorrência.

Wesley Santos tinha 26 anos e foi baleado na cabeça na tarde de segunda-feira (05/09), na Avenida Gal Costa, em Salvador. Logo após o crime, o apóstolo foi levado ao hospital, onde permaneceu internado em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Roberto Santos até essa quarta, feriado da Independência do Brasil.

Inicialmente, a suspeita era de que o jovem pregador havia sido vítima de latrocínio – roubo seguido de morte. No entanto, a polícia trata o caso como homicídio.

Wesley Santos era presidente da Igreja Leão da tribo de Judá, que fica localizada no bairro de Sussuarana, na capital baiana. A esposa dele é pastora na mesma congregação. No perfil da igreja no Instagram, seguidores deixaram mensagens de luto e pesar.

Pastor e amigo de Wesley, Uendel Kattilan usou as redes sociais para pedir que as pessoas orem por ele e que não espalhe mentiras, negando que ele esteja em processo de desligamento de aparelhos. “Não divulgue aquilo que você não sabe. Peço que orem, pelo amor de Jesus. Não houve caso de morte, de óbito, Deus é quem dá a vida e vai restaurar”, disse ele.

O crime está com o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). Ainda não há detalhes sobre autoria e motivação. Ele deixa a esposa, Daniela, e uma filha de 7 anos.







+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página