Conecte-se conosco

Brasil e Mundo

Polícia prende auxiliar de pastor por forçar namorada a abusar do próprio filho

Publicado

em

Ajudante de pastor é preso suspeito de armazenar vídeos de pornografia infantil - Foto: Reprodução

Na tarde da última quarta-feira (27/03), um homem de 34 anos foi detido em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, sob a acusação de coagir sua namorada virtual a cometer atos de abuso sexual contra o próprio filho, um menino de apenas 4 anos. Segundo informações da Polícia Civil, o suspeito se passava por uma mulher e ameaçava o casal, alegando possuir dívidas com um agiota e afirmando que, caso não cumprissem “tarefas sexuais”, seriam mortos.

A investigação teve início após a tia da criança flagrar a mãe realizando atos de natureza sexual com o filho. Diante da denúncia, a mãe foi presa pelos crimes de estupro de vulnerável, filmar sexo com menor e armazenar conteúdo pornográfico em dispositivo eletrônico.

Durante as diligências, foram encontrados vídeos no celular da mãe que também exibiam sua outra filha, uma menor de 13 anos, em situações de nudez, capturadas enquanto a adolescente estava distraída ou dormindo.

O suspeito, que já havia sido denunciado pela cunhada por receber conteúdos pornográficos, estava afastado das atividades da igreja a que pertencia. No celular do homem, foram encontrados vídeos da namorada virtual mantendo relações sexuais com o próprio filho, além de vídeos envolvendo adolescentes.

A prisão do suspeito aconteceu em Austin, por uma equipa da Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Nova Iguaçu.

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR.

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página