Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Senado Federal aprova criação do Dia Nacional do Cristão

De acordo com a proposta, a data será celebrada no primeiro domingo de junho

Publicado

em

Segundo o IBGE, 87% dos brasileiros se identificam como cristãos - Foto: Samuel Martins

Nesta quinta-feira (09/06), a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal aprovou o projeto de lei que cria o Dia Nacional do Cristão. De acordo com a proposta, que vai à sanção da Presidência da República, a data será celebrada no primeiro domingo de junho.

O projeto é de autoria dos deputados Dra. Soraya Manato (PSL/ES), Eli Borges (SOLIDARI/TO), Cezinha de Madureira (PSD/SP), Carla Dickson (PROS/RN) e Abílio Santana (PSC/BA).

Segundo a PL, o último Censo realizado pelo IBGE, 87% da população brasileira professa a fé cristã, reunidos em igrejas de diversas denominações. Portanto, o Dia Nacional do Cristão atende ao critério de alta significação para o maior segmento religioso existente do Brasil.

Além disso, segundo os autores, o número expressivo de cristãos no país tem grande impacto na sociedade brasileira. Eles também destacaram que os cristãos ocupam espaço na política, na mídia, no esporte e na cultura do Brasil.

“Bem como representa significativo papel em questões sociais, de assistência, dignidade humana, combate às drogas e a fome. O que tem sido consequência da oportunidade de convivência, para toda sociedade brasileira, com os valores de família, vida, ética, caridade, solidariedade, disseminados pela fé cirstã”, diz a proposta.

A data escolhida será o primeiro domingo de junho, pois segundo o projeto, “encontra raízes históricas no processo de construção e revelação dos pilares de fé comuns a todas as denominações cristãs”.

“Nada mais justo e meritório que a consolidação e unificação dos fundamentos disseminados, com a celebração de uma data oficial de homenagem aos cristãos do Brasil, grupo que merece ter o seu valor reconhecido”, diz trecho da proposta.

A proposta foi relatada pelo senador Flávio Arns, do Podemos do Paraná, que destacou que se trata de um reconhecimento e valorização da essência do Cristianismo como a prática do bem.

Por ter sido aprovada por todas as comissões, inclusive na Câmara dos Deputados, o PL 2832/2021 vai à sanção do Presidente Jair Bolsonaro.













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página