Conecte-se conosco

Gospel

Vera Magalhães diz que vai processar Silas Malafaia por postar fake news

Publicado

em

Silas Malafaia e Vera Magalhães - Foto: Reprodução/Redes Sociais

A jornalista Vera Magalhães, que ficou mais conhecida na noite do último domingo (28/08), após ganhar resposta viral do presidente Jair Bolsonaro, no debate na Band, disse que vai processar o pastor Silas Malafaia, líder da ADVEC.

Segundo Vera, Silas mentiu ao afirmar que ela recebe “R$ 500 mil por ano de uma fundação sustentada pelo Governo de São Paulo”. “[O ex-governador] Doria começou a bancar a jornalista que ataca o presidente em todo o tempo. Vamos parar com o mimimi que Bolsonaro é contra as mulheres! A casa caiu, Vera!”, escreveu o pastor no Twitter.

Desde que Bolsonaro respondeu a jornalista Vera Magalhães durante o debate, colegas e apoiadores do presidente têm criticado o posicionamento da profissional, que é abertamente contra o presidente. Silas foi um deles.

Na manhã desta terça-feira (30/08), Malafaia fez uma série de posts contra a jornalista. Em um deles, ele afirma que Vera ganha 500 mil por ano e foi contratada por João Dória.

A jornalista respondeu: “O senhor vai levar um processo e ter de provar que eu ganho R$ 500 mil por ano, pastor. Se prepare para receber a notificação do meu advogado. Mentir usando a religião como escudo é ainda mais vil e torpe”, respondeu ela.

Vera afirmou, no entanto, se tratar de uma fake news antiga. Pouco tempo depois, Malafaia decidiu fazer uma “correção” em seu perfil e disse que Magalhães ganha, na verdade, 264 mil por ano.

“VERA MAGALHÃES! Aproveita e processa o deputado Douglas Garcia e outros que te denunciaram. A única coisa que pode estar diferente da realidade, é o valor. O FATO É VERDADEIRO! Recebe grana do Gov paulista na fundação. Você ñ é vítima de nada! É só lê o q você escreve”, falou o pastor.

Vera voltou a responder o líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo: “Hahahahaha ‘a única coisa ‘diferente’ é o valor’. Já começa a voltar atrás. Esses dois já foram notificados, pastor. Está com medo de Deus pelo pecado da mentira ou da Justiça? E por que continua não me marcando? Covardia que chama?”.







+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página