Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Arquidiocese de Curitiba recua e sai em defesa de vereador do PT: “Protesto legítimo”

Publicado

em

Vereador de Curitiba Renato Freitas - Foto: Reprodução/Redes Sociais.

Quase dois meses depois de ter sido invadida por militantes da esquerda, a Arquidiocese de Curitiba pediu que o mandato de Renato Freitas (PT) não fosse cassado pela Câmara Municipal da cidade. Renato foi quem liderou o protesto naquele 5 de fevereiro.

A instituição religiosa enviou na última segunda-feira (28/03), uma carta endereçada à Comissão de Ética da Câmara de Vereadores local pedindo que o mandato do parlamentar seja preservado.

O Conselho de Ética da Câmara Municipal deu prosseguimento ao processo que pode resultar na cassação do parlamentar. Renato é vereador do Partido dos Trabalhadores (PT). No início de fevereiro, ele liderou um protesto na Igreja do Rosário, na capital paranaense, pela morte de Moïse Kabagambe.

Na carta enviada ao relator do caso, vereador Sidnei Toaldo (Patriota), a procuradora da Arquidiocese de Curitiba, Cynthia Glowacki Ferreira, disse que o vereador petista e demais manifestantes só entraram na igreja após o término da missa.

Cynthia, que representa juridicamente a Igreja Católica local, também afirmou que o protesto foi legítimo.

“A movimentação contra o racismo é legítima, fundamenta-se no Evangelho e sempre encontrará respaldo da Igreja. Percebe-se na militância do vereador o anseio por justiça em favor daqueles que historicamente sofrem discriminação em nosso país. A causa é nobre e merece respeito”, diz trecho do ofício.

A instituição tece ainda elogios à militância de Freitas, cobrando apenas uma ‘punição proporcional aos fatos’ pela entrada no santuário que é símbolo da história negra em Curitiba. Segundo o texto, Freitas cometeu ‘certos excessos ao ocupar um local sagrado’, mas já não teria interrompido uma missa, tendo ainda reconhecido o erro e se desculpado com os sacerdotes.

Leia a carta completa abaixo:

  • RECEBA NOTÍCIAS DO PORTAL DO TRONO DIRETAMENTE DO WHATSAPP!
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe um Comentário

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página