in

Assembleia de Deus em Mato Grosso perde 5º pastor para a Covid-19

O pastor Francisco Cichoski, de 78 anos, líder da Assembleia de Deus de Sorriso, em Cuiabá (MT), morreu na manhã desta terça-feira (11), vítima da Covid-19.

Publicidade

O religioso estava internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Estadual Santa Casa, na capital mato-grossense há cerca de 30 dias, e não resistiu ao tratamento.

Segundo a fonte local Mídia News, pastor Francisco já é o 5º pastor da Assembleia de Deus em Mato Grosso a morrer em decorrência da Covid-19.

O primeiro caso fatal na denominação foi o vice-presidente da convenção estadual, Rubens Siro de Souza, de 68 anos, que morreu no dia 3 de julho. Cinco dias depois, o pai de Rubens, que era o presidente da Assembleia de Deus em Mato Grosso, pastor Sebastião Rodrigues de Souza, de 89 anos, também veio a óbito.

PUBLICIDADE

Em 20 de julho foi a vez do pastor José Geraldo dos Anjos deixar sua igreja de luto após morrer por conta da doença. A quarta vítima fatal foi o pastor da cidade de Nobres, José Damasceno de Castro, de 61 anos, que morreu em 22 de julho.

Pastor Francisco, a mais recente perda para a denominação, liderou diversas igrejas espalhadas pelo estado do Mato Grosso, inclusive na capital Cuiabá.

Até às 13h desta terça-feira (11/08), o consórcio de veículos de imprensa formado pelo Grupo Globo, Estadão e Folha/UOL, anunciou o número de 3.068.138 pessoas infectadas em todos os estados e no DF, com 102.034 mortes em todas as regiões do país, pela Covid-19.

Publicidade

Vídeo: Mulher em chamas desespera moradores de prédio em Serra (ES)

Avó de Michelle Bolsonaro morre vítima da Covid-19 em Brasília (DF)