in

Cantora gospel Amanda Wanessa abre os olhos: ‘Recuperação é questão de tempo’

Depois de 15 dias internada, o quadro de saúde da cantora gospel Amanda Wanessa segue evoluindo na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Português, no Centro do Recife, de acordo com informações publicadas pelos familiares dela nas redes sociais. No dia 4 de janeiro, a artista sofreu um acidente de trânsito na PE-60, em Rio Formoso, na Zona da Mata de Pernambuco. As informações são do G1.

Publicidade

De acordo com os familiares da cantora, ela tem respondido gradativamente aos estímulos. Ela já mexeu o pescoço e abriu os olhos. “Segundo os médicos, sua recuperação é uma questão de tempo”, disse a família, numa postagem no Instagram.

O quadro de saúde é considerado estável e tem evoluído gradativamente, ainda segundo parentes. O hospital não recebeu autorização da família de Amanda para divulgar informações sobre a paciente.

No dia 10, a assessoria da gravadora MK Music divulgou nota informando que após, passar por cirurgias, “mexeu olhos e braço num momento em que o marido, Dobson Santos, estava ao seu lado”.

De acordo com os familiares da cantora, ela tem respondido gradativamente aos estímulos. Ela já mexeu o pescoço e abriu os olhos. “Segundo os médicos, sua recuperação é uma questão de tempo”, disse a família, numa postagem no Instagram.

PUBLICIDADE

O quadro de saúde é considerado estável e tem evoluído gradativamente, ainda segundo parentes. O hospital não recebeu autorização da família de Amanda para divulgar informações sobre a paciente.

No dia 10, a assessoria da gravadora MK Music divulgou nota informando que após, passar por cirurgias, “mexeu olhos e braço num momento em que o marido, Dobson Santos, estava ao seu lado”.

Também pelas redes sociais, Juciara Pimentel, amiga de Amanda que estava no veículo da cantora no momento do acidente, publicou uma foto para agradecer as mensagens de apoio, depois de receber alta hospitalar em Palmares.

Publicidade

“Minha esperança está em Jesus”, se declara Justin Bieber

Prefeitos furam fila de vacinação contra Covid-19 pelo país e serão investigados