Conecte-se conosco

Mais Conteúdo

Cássia Kis peita Globo e vai a outra manifestação no Rio

Publicado

em

Cássia Kis é vista novamente em manifestação - Reprodução/Twitter

Neste domingo (06/11), a atriz da TV Globo Cássia Kis voltou a participar de uma manifestação que questiona a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições deste ano.

É a segunda vez que ela participa de uma manifestação. Na última quarta-feira (02/11), a atriz já havia ido à Praça Duque de Caxias, onde está o Comando Militar do Leste, no Rio de Janeiro, para mostrar seu descontentamento com o processo eleitoral brasileiro.

Sua imagem rezando ajoelhada na rua repercutiu e a deixou popular entre os manifestantes. Desta vez, ela levou uma imagem de Nossa Senhora, voltou a rezar e se tornou atração do ato [veja o vídeo no final desta matéria].

No ar em “Travessia”, novela da Globo em que é protagonista, Cássia desagradou diversos colegas globais após dizer por que se tornou conservadora.

Algumas de suas falas foram consideradas homofóbicas, o que ela rejeita. Ela chegou a ser duramente atacada nas redes sociais após dizer, em uma entrevista à jornalista Leda Nagle, que “homem com homem não faz filho”.

“Não existe mais homem e mulher, mas mulher com mulher e homem com homem, e homem com homem não dá filho, nem mulher com mulher”, disparou a atriz da Rede Globo, que é católica fervorosa. “Como a gente vai fazer?”.

Diversos internautas não perdoaram as falas de Cássia Kis e passaram a atacá-la nas redes sociais: “homofóbica”, “bêbada”, “drogada” e “vai pagar pelos comentários”.

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página