Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Com depressão, saxofonista cristão André Paganelli comete suicídio

Publicado

em

Morreu nesta quarta-feira (19/01), o saxofonista cristão André Paganelli. Segundo informações de amigos e familiares, ele lutava contra uma depressão severa e teria cometido suicídio.

A notícia da morte do músico começou a circular nas redes sociais na noite desta quarta. André Paganelli tinha 49 anos e era muito querido por amigos e colegas de profissão.

O pastor e deputado federal Roberto de Lucena foi um dos que lamentaram a morte do amigo pelas redes sociais: “Fiquei chocado. Ele não era apenas um dos maiores talentos musicais do Brasil, mas um príncipe. A convivência com ele sempre foi inspiradora. A lembrança dos momentos vividos com ele em casa ou nos cultos é muito forte e emocionante. Lamento muito sua perda. Meus sentimentos à família”, disse o religioso.

O também pastor Magno Paganell, cunhado de André, usou as redes sociais para falar da perda do saxofonista.

“Acabei de comentar com a minha esposa que ficam as boas lembranças, e são muitas! Sujeito alegre, esperançoso — acreditava mesmo em dias melhores — empreendedor e talentosíssimo, ímpar em sua especialidade. Tive o privilégio de trabalhar em vários projetos com ele, desde os primeiros CDs, os livros, o primeiro grande show na casa de espetáculos Olympia, o início da empresa que criou”, escreveu Magno.

“Ficam as boas lembranças que, como disse, são muitas. E um sobrinho que me deu, o Brian. Descanse em paz, maninho”, finalizou.

POSSÍVEL CAUSA DA MORTE

A família do músico ainda não se manifestou publicamente sobre a morte de André Paganelli, mas segundo relatos de amigos e familiares nas redes sociais, Paganelli sofria de depressão severa e teria tirado a própria vida nesta quarta (19). Segundo Magno Paganelli, e que era cunhado de André, o saxofonista foi velado e sepultado em Salvador nesta quinta-feira (20/01), onde morava com a família.

O saxofonista foi um dos membros votantes do Grammy Latino, da Ordem dos Músicos do Brasil e da Associação Brasileira de Regentes Arranjadores e Músicos.

André Paganelli produziu seu primeiro álbum em 1998 lançando o disco Espírito & Arte pela gravadora Coluna 7, e, ao longo da carreira teve mais de 20 álbuns e DVDs gravados, pelos quais recebeu, em 2009, o Disco de Ouro por 200 mil cópias vendidas.

O saxofonista já se apresentou em importantes casas de show e teatro excursionando pelo Brasil, EUA, Portugal, Espanha, Itália, Suíça, França, Inglaterra e Israel.

Em sua última publicação nas redes sociais, Paganelli estava ansioso por uma inauguração de um famoso restaurante de Salvador (BA). Ele publicou duas fotos em que aparece sorridente de apresentações que realizou no Pelourinho, um conhecido bairro da capital baiana. Nos comentários, dezenas de mensagens de luto e de seguidores ainda sem acreditar na perda do músico. “Não estou acreditando 😭 Que o Espírito Santo console toda sua família”, escreveu o cantor gospel Regis Danese.













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página