Conecte-se conosco

Mundo Cristão

De drag queen, pastor prega para crianças e causa indignação

Publicado

em

Um pastor evangélico de uma igreja nos Estados Unidos surpreendeu ao aparecer vestido de drag queen pregando para algumas crianças.

Trata-se de Aaron Musser, que é pastor de uma Igreja Luterana de Chicago, nos EUA. Ele se vestiu de drag queen para pregar sobre o livro Joy para um grupo de crianças, segundo o portal Daily Mail.

“Eu tenho uma história incrível para compartilhar com vocês hoje. […] Eu também sou um menino na maioria das vezes quando estou aqui, mas hoje, sou uma menina”, diz o pastor às crianças.

O caso viralizou nas redes sociais nos Estados Unidos. Com a repercussão, o religioso e a igreja falaram sobre a apresentação por meio do Facebook. Eles tentaram explicar o por que o pastor se vestiu daquela maneira, e o objetivo da sua pregação.

“O sexto domingo do advento é o domingo da alegria. É uma chance para ensaiarmos como pode ser uma vida de alegria. É um ensaio geral. A pregação travestida é uma reflexão teológica sobre a alegria: a alegria transborda tão abundantemente que não pode deixar de se dar a conhecer. Juntando o tema do dia, a teoria queer e os textos lecionários, iremos ‘ensaiar para a alegria’”, contou ele explicando que queria trazer um exemplo prático sobre felicidade.

“Em vez disso, colocaria um vestido como tantos que me inspiraram fizeram. Decidi seguir o exemplo deles, mostrando que a libertação das leis opressivas abre o caminho para a alegria”, contou.

No entanto, a ação da igreja não foi bem recebida por fiéis que lotaram o post de críticas. Como resultado, os comentários foram limitados pela igreja. “Por enquanto, congelamos os comentários neste post. Agradecemos todo o amor e encorajamos você a continuar orando por plena inclusão, afirmação e justiça para as pessoas LGBTQIA + na igreja”, afirmou a igreja. Assista o vídeo abaixo:













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página