in

Damares Alves teria investigado Felipe Heiderich no caso com Bianca Toledo

Oswaldo Eustáquio, o blogueiro que foi preso pela PF suspeito de liderar grupos que pediam, pela internet, o fechamento do STF, pediu direito de resposta à coluna de Léo Dias, após ter sido citado na entrevista do pastor Felipe Heiderich.

Publicidade

Durante a conversa, Oswaldo fez algumas revelações. Uma delas foi a de que quem pediu para ele investigar a fundo o processo dos pastores Felipe Heiderich e Bianca Toledo foi a ministra Damares.

Felipe foi absolvido pela justiça do Rio de Janeiro, em 1ª e 2ª instâncias, das acusações feitas por Bianca Toledo, de que ele teria abusado seu filho, que era enteado dele na época e tinha apenas 5 anos de idade.

Segundo Léo Dias, Felipe Heiderich se disse surpreso com a declaração de Eustáquio, e para ele, se de fato a ministra pediu que ele fosse investigado por um jornalista, isso é um “crime contra a honra”.

PUBLICIDADE

“Se a Damares solicitou essa investigação e se ela ocorreu como o Eustáquio conduziu, isso praticamente é um crime contra a honra porque o Eustáquio, em nenhum momento, procurou saber o outro lado. Todos os posicionamentos e comentários dele foram contra mim, inclusive, comentários muito baixos, muito deselegantes”, considera Felipe Heiderich.

A pastora Bianca Toledo não se manifestou sobre as declarações.

Assista abaixo a entrevisa completa de Oswaldo Eustáquio para Léo Dias:

Publicidade

PF apreende dinheiro entre as nádegas do vice-líder do governo Bolsonaro no Senado

Padre é preso após ser flagrado transando com duas mulheres em altar de igreja