Conecte-se conosco

Polêmicas

Fiel denuncia Davi Passamani à polícia após pastor exibir pênis em chamada de vídeo

Publicado

em

Pastor Davi Passamani enfrenta acusações de importunação sexual após fiel apresentar áudios e prints - Foto: Reprodução

O pastor Davi Passamani, líder da Igreja Casa de Goiânia está enfrentando sérias acusações após uma fiel apresentar um Boletim de Ocorrência acusando-o de importunação sexual. Há evidências que incluem áudios, vídeos e prints, os quais foram entregues à polícia durante a denúncia. Veja as conversas no final da matéria.

Segundo a vítima, que buscou aconselhamento do pastor durante uma crise em seu relacionamento, Passamani aproveitou-se da situação delicada para fazer perguntas inapropriadas sobre sua intimidade. A jovem relata que as conversas, inicialmente via direct no Instagram, tomaram um rumo desconfortável. 

“Do que mais sente falta no seu relacionamento? […] Por que a maioria sempre sente mais falta de sexo, mas isso não é problema pra você, né?”, questionou o pastor em uma das conversas. 

Ao perceber a natureza inapropriada da conversa, a jovem envolveu o namorado, decidindo “dar corda” para entender até onde o pastor iria. As interações, então, evoluíram para chamadas de áudio no WhatsApp, onde Passamani teria solicitado à jovem que gemesse para ele ouvir e até mesmo sugeriu atos íntimos.

A situação atingiu um ponto alarmante quando o pastor fez chamadas de vídeo, exibindo não apenas seu rosto, mas também partes íntimas, enquanto o namorado da jovem estava presente filmando.

O depoimento da vítima na delegacia de Goiânia detalha os eventos, destacando que o pastor Passamani insistiu em descrever fantasias eróticas, inclusive mostrando explicitamente seu órgão sexual durante uma chamada de vídeo.

O caso está em investigação, e a Igreja Casa ainda não se pronunciou oficialmente sobre as acusações. A reportagem entrou em contato com o pastor, porém não obtivemos sucesso. Assim que ele fornecer sua resposta, divulgaremos a sua versão. Leia abaixo na íntegra do depoimento da vítima na delegacia:

“Relata que no dia 19/12/2023, às 03h30min, esclarece que estava em sua residência, quando recebeu uma mensagem do pastor DAVI, o qual indagava como a declarante estava; a declarante disse que estava bem e agradeceu as orações que ele fez. DAVI perguntou acerca do seu namorado, informou que havia terminado. Esclarece que o pastor DAVI disse que sentia falta de conversar com alguém e que queria desabafar. A declarante respondeu que podia confiar nela, então o pastor começou a falar sobre sexo e indagar se a declarante se tocava intimamente. DAVI ligou para a declarante e disse a ela que ele iria propor algo e que ela não poderia dizer não, daí ele começou a descrever uma fantasia erótica de tudo que ele faria sexualmente com a declarante. O investigado disse que iria passar a língua em seu corpo por todas as partes, então ele disse que queria vê-la. O investigado ligou de vídeo, momento em que a declarante atendeu e viu o rosto dele, e em seguida ele mostrou o órgão sexual dele. Após alguns minutos, ele desligou e ligou de novo via ligação de áudio e continuou falando sobre a fantasia dele para a declarante; ele terminou de se auto satisfazer e, no final, ele fez a respiração que estava gozando, depois disso ele desligou a ligação e continuou mandando mensagens, porém a declarante não respondeu mais.”

🔔 SIGA O PORTAL DO TRONO NO WHATSAPP. CLIQUE AQUI PARA RECEBER NOTÍCIAS DIRETO NO SEU CELULAR!

+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página