Conecte-se conosco

Mais Conteúdo

Filho pede a prisão de Cid Moreira por homofobia e trabalho infantil

Publicado

em

O filho adotivo Roger Moreira e o jornalista Cid Moreira - Foto: Reprodução/Redes Sociais

O filho adotivo do jornalista Cid Moreira, Roger Moreira, entrou na Justiça pedindo investigação e cadeia para o pai e a esposa dele, Maria de Fátima Sampaio, por homofobia e trabalho infantil. O pedido foi protocolado na Justiça pelo advogado de Roger na semana passada.

No final de 2021, foram revelados detalhes de condutas de Cid Moreira na criação de Roger, adotado quando tinha 13 anos. Desde então, segundo anotado em processo, o maior locutor do país, hoje com 94 anos, impediu o filho até mesmo de estudar.

Segundo Roger, ele foi colocado pelo próprio Cid Moreira para trabalhar e cumprir várias obrigações, como por exemplo acompanhá-lo em compromissos na TV, como gravações de programa.

Além disso, revelou que tinha que frequentar lugares proibidos para menores: clubes à noite, alguns restaurantes e casa de jogos. O intuito de Cid era ter “uma espécie de empregado”, informa o processo.

O filho diz ainda que quando Cid se casou com Maria de Fátima, 40 anos mais jovem, ele tentou desfazer a adoção sob alegação de que Roger era gay.

Segundo Daniel Blanck, advogado de Roger, a possível prisão do ex-apresentador dependerá de averiguação da Justiça e investigação do Ministério Público, assim como a necessidade de prisão de um idoso de 94 anos.

“Quanto aos crimes supostamente praticados, cabe à Justiça e ao Ministério Público apurarem a ocorrência ou não, bem como a possibilidade de prisão de um idoso de 94 anos em regime fechado”, disse ele ao Metrópoles.

Cid Moreira ficou dois dias internado no hospital Santa Tereza, no Rio de Janeiro, para a retirada de um cateter de hemodiálise. Ele ganhou alta na última sexta-feira (15/04), e já voltou para casa.

No início do ano, Moreira descobriu um problema renal grave e foi obrigado a iniciar um tratamento via hemodiálise peritoneal. “Estou livre da hemodiálise. Retirei o cateter. Tá tudo bem, não senti nada”, disse ele.

Após a repercussão do filho, Cid se pronunciou pelas redes sociais neste final de semana:

“Dois dias depois de fazer uma pequena cirurgia de retirada de um cateter, Cid Moreira é flagrado almoçando num tradicional boteco de Petrópolis, numa boa! vida que segue, em paz e tranquilo, aceitando os desafios da vida. Quem não os tem? (o flagra é uma brincadeira pessoal)!”, descreveu na publicação.

  • RECEBA NOTÍCIAS DO PORTAL DO TRONO DIRETAMENTE DO WHATSAPP!













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página