Flordelis apresenta atestado na Câmara dos Deputados após investigações

A cantora gospel e deputada federal Flordelis (PSD), investigada por suposto envolvimento no assassinato de seu marido, o pastor Anderson do Carmo, não foi trabalhar na Câmara dos Deputados na última semana.

Cantora gospel e deputada Flordelis.
Cantora gospel e deputada Flordelis.

Segundo o Extra, Flordelis não compareceu às sessões parlamentares na última semana em Brasília (DF). No site da Câmara dos Deputados, consta que a parlamentar não esteve presente nos dias 17, 18 e 19, nem no plenário da Casa, nem nas reuniões das comissões que ela integra.

A assessoria de Flordelis informou que ela está doente em “consequência das ocorrências que todos conhecem”, diz a nota, referindo-se à morte do pastor Anderson e os desdobramentos do crime, como as acusações dos filhos contra a deputada.

A assessoria disse ainda que a parlamentar já apresentou atestados médicos, “mas a rotina de verificação faz com que registro no sistema aconteça no prazo de 10 dias ou pouco mais”.

Flordelis voltou à Brasília na última segunda (23), e de lá para cá participou de algumas reuniões e sessões em comissões que integra.

A Polícia Civil do Rio de Janeiro continua investigando as razões do assassinato do pastor Anderson do Carmo, em 16 de junho. Flordelis segue como investigada, sem direito ao foro privilegiado, após decisão do STF.

A deputada alega que é inocente, e que não teria motivos para querer a morte de seu marido. Dois filhos dela estão presos, denunciados pelo assassinato. A Polícia Civil vê contradições nas informações que constam nos autos, e por isso continua procurando suspeitos.