Gatinho de Daniel Mastral tenta consolá-lo após suicídio do filho e ele agradece

O pregador e conferencista gospel Daniel Mastral está passando por um momento muito delicado em sua família. Seu filho Mikhael, de apenas 15 anos, acabou se suicidando há um semana (22), depois de lutar contra uma forte depressão.

Gatinho de Daniel Mastral
Gatinho de Daniel Mastral

Agora, o pregador, que é referência no mundo gospel, compartilhou com seus seguidores nos stories do Instagram um momento muito lindo em meio à dor: Seu gatinho de estimação tentando confortá-lo.

“Grande companheiro, eles sentem coisas que a gente não percebe. Né não garoto? Obrigado, viu? Obrigado!”, disse Daniel Mastral enquanto acariciava o bichinho, que estava adorando o carinho. Assista:

Daniel Mastral faz carinho em seu gatinho de estimação

Depois, outro mimo: o gatinho trouxe um presente pro pregador gospel – um galho de uma plantinha. Daniel Mastral, claro, agradeceu novamente:

“Oi bebê, trouxe um raminho pro papai? Que carinhoso! Papai gostou muito. Olha só, você foi muito cuidadoso. Eu só tenho a agradecer a você, bebê.”, concluiu. Assista:

Gatinho de pregador gospel traz raminho de presente.

Um estudo de 2015, realizado na Universidade Oakland, em Michigan (EUA), que foi publicado na revista Animal Cognition, encontrou evidências sólidas de que os gatos, ao contrário do que parece, são sensíveis aos gestos emocionais dos seus donos.

As pesquisadoras, que também são psicólogas, descobriram que os animais se comportavam de maneiras diferentes quando o dono sorria e quando exibia uma expressão mais triste.

Tadeu Ribeiro
[email protected]