in

Chris Flores defende Cassiane em polêmica gospel: ‘Vamos ter perdão’

Chris Flores usou o programa “Notícias Impressionantes” do SBT na tarde desta quarta-feira (22) para defender a cantora gospel Cassiane, que vem sendo alvo de muitas críticas desde a última sexta-feira (17), por causa do clipe da canção “A Voz”, lançado pela MK Music.

Publicidade

Na história encenada no clipe, uma mulher aparece sofrendo em casa com as agressões do marido supostamente alcoólatra. O homem chega até a furtar dinheiro da mulher para, sugestivamente, comprar mais bebida, em meio a agressões e brigas. A mulher da história mostra, inclusive, o braço com uma mancha roxa em formato de hematoma.

Depois de algumas agressões, a mulher decide sair de casa, e deixa um bilhete dentro de uma Bíblia, dizendo que perdoava o agressor. Tempos depois, um final mágico: o agressor vira evangélico e Deus “restaura” esse lar.

O fato da produção gospel de Cassiane não ter exibido a mulher denunciando seu agressor, ou procurando ajuda de alguma autoridade pública, já que os atos encenados representam crimes no ordenamento jurídico, chamou atenção dos internautas.

Chris Flores, no entanto, considerou que o clipe retratou a realidade das mulheres no Brasil atualmente, que não conseguem denunciar o agressor.

PUBLICIDADE

“Olha, eu concordo com ela. Acho que a intenção não foi ruim, muito pelo contrário. Foi mostrar o que acontece. Porque na maioria dos casos sim, as mulheres não conseguem denunciar. Eu estou dizendo que não conseguem, mas não é porque elas não queiram. Elas não conseguem porque estão em um ciclo de violência”, considerou.

A apresentadora do SBT também afirmou que não concordou com a forma com que as pessoas lançaram críticas à cantora gospel por causa do erro no roteiro do clipe, que foi admitido por Cassiane posteriormente.

“Ela poderia ter colocado aquilo [instruções para denúncia no 180] no clipe. Não é batendo, não é com humilhação, não é com mais violência – que é isso que queremos combater – que a gente vai conseguir chegar lá. Ela fez, colocou, ajudou agora as mulheres. Vamos entender qual é a intenção da pessoa. As vezes, mesmo a intenção sendo boa, a gente erra. Vamos ter o perdão no coração, que é isso que ela está pedindo no clipe”, concluiu. Assista:

Publicidade

Mulher que recebeu visita de filho na janela de UTI morre olhando para ele

Pais conseguem registrar o filho com nome de ‘Lúcifer’ e comemoram