Fernanda Brum encontra-se com governador Wilson Witzel e gospel critica

A cantora gospel Fernanda Brum acabou se envolvendo em uma polêmica nas redes sociais, após publicar uma imagem de uma visita ao governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC).

Pr. Emerso Pinheiro, cantora gospel Fernanda Brum e governador Wilson Witzel.
Pr. Emerso Pinheiro, cantora gospel Fernanda Brum e governador Wilson Witzel.

Fernanda Brum e o esposo, Pr. Emerson Pinheiro, oraram pelo governador carioca, em um encontro no Rio. Nas redes, a cantora gospel afirmou que convidou o chefe do executivo estadual para participar do congresso feminino de sua igreja.

“Momento de gratidão e oração! Juntos abençoamos o Rio de Janeiro! Hoje fizemos o convite especial ao governador Wilson Witzel, para nossa @profetizandoasmulheresoficial Obrigada Governador, por sua atenção, tempo e gentileza. Só faltou o comandante @dariobrunet
Acreditamos no #brasil”, escreveu na legenda.

Mas os seguidores da cantora gospel não foram tão receptivos assim com a ideia. Pelo menos uma parte dos fãs criticou a aproximação de Fernanda Brum com o político.

Wilson Witzel tem recebido críticas de setores da sociedade após comemorar a morte de um homem pela polícia que sequestrou um ônibus na ponte Rio-Niterói no mês passado.

Além disso, no início do ano o governador estava em um voo de helicóptero com a Polícia Militar do RJ que atirou em uma barreira de madeira no chão, onde evangélicos iam orar no monte, mas que foi confundido com bandidos.

“Tá de sacanagem, né? Convidar esse assassino para o altar? Decepção, hein, pastora?”, comentou um seguidor de Fernanda Brum.

“Orar para aquele que nos governa é lícito, porém apoiar suas barbáries é simplesmente lamentável, quando é que foi que o evangelho se sujeitou a isso? Que Deus tenha misericórdia de nós..”, comentou outro.

A cantora gospel deixou as discussões rolarem, mas respondeu sobre o fato da polícia ter atirado no sequestrador da ponte Rio-Niterói: “A Polícia é soberana”, disse Brum, sem mencionar a comemoração do governador.