in

Homem que planejava matar parente cristão desiste após sonhar com Jesus

O mundo islâmico ser um cristão não é algo fácil, e se isto parte de um ex-muçulmano, ou seja, alguém que se converteu do islamismo para seguir o Evangelho de Jesus Cristo, significa algo que pode custar a sua vida. As informações são do Gospel+.

Publicidade

Testemunhos como o de Mostafa não são novidade para a organização Portas Abertas, mas eles causam surpresa nos cristãos que desconhecem o cenário religioso de países como o Egito, por exemplo.

Foi lá que Mostafa, um muçulmano devoto, foi enviado para matar o seu próprio primo, Mohammed, por ele ter se convertido ao cristianismo. O que estava em jogo era a “honra de sua família”, motivo pelo qual o seguidor de Maomé ficou determinado em cumprir o seu objetivo.

O que Mostafa não esperava, no entanto, era que ao se deparar com o seu primo, veria nele algo especial. A postura diferente chamou atenção do muçulmano, que resolveu questionar primeiro o seu parente sobre o motivo da sua conversão.

PUBLICIDADE

Já no outro dia, o jovem até então muçulmano contou ao seu primo o que aconteceu e pediu para ele fazer uma oração de confissão. Ali Mostafa entregou a sua vida a Cristo e desde então ele e seu primo vivem a fé cristã em segredo da família.

Em sua oração, Segundo a Portas Abertas, Mostafa orou a Deus: “Planejei matar meu primo, Seu seguidor. Mas agora estou preparado para dar minha vida pelo Senhor”.

Publicidade

Após denúncia, juíza proíbe Flordelis de manter contato com filhos presos

Igreja está em choque após pastor ser morto a tiros no púlpito enquanto orava