Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Igreja Renascer tem contas bancárias bloqueadas pela Justiça por dívida

Publicado

em

Apóstolo Estevam Hernandes e Bispa Sonia Hernandes, líderes da Igreja Renascer em Cristo - Foto: Arquivo pessoal

Uma dívida no pagamento do aluguel de um templo da Igreja Renascer em Cristo foi o motivo da Justiça do Estado de São Paulo ter bloqueado as contas bancárias da instituição.

Segundo o colunista Rogério Gentilea, do Portal UOL, a dívida, referente a uma unidade da Renascer em Cristo na Vila Andrade, zona sul de São Paulo, é cobrada pela Nova Dengucho e Nova Munin. Segundo eles, o valor está calculado em R$ 761,7 mil. O imóvel permaneceu alugado pela igreja entre 2012 e 2016

A Igreja Renascer não nega a dívida, mas questiona o valor atualizado do débito, argumentando que a empresa não descontou corretamente do cálculo os valores já pagos. Segundo a igreja, houve um pagamento via judicial de R$ 225 mil, mas que a empresa “infelizmente” não realizou a amortização nos cálculos.

Diante disso, a juíza Patrícia Martins Conceição decidiu bloquear as contas bancárias da igreja. Mas, a mesma declarou que a penhora na conta corrente provoca danos irreparáveis para a sua atuação e funcionamento, sobretudo no atual momento econômico.

“Os parcos valores recebidos [pela Renascer] são aplicados no pagamento de aluguéis, despesas com colaboradores e pastores, e a água e a luz dos templos”, afirmou na petição apresentada à Justiça pelos seus advogados. “Ou seja, exclusivamente para a subsistência da Igreja”.

A Renascer disse no processo que tem todo interesse em quitar a dívida e que negocia um acordo de pagamento de R$ 30 mil por mês com a empresa.

Segundo o UOL, a Igreja solicitou também que a juíza, além de suspender o bloqueio da sua conta corrente, determine a um contador judicial que realize o cálculo correto do débito. O pedido ainda não foi analisado pela Justiça.

Os líderes da igreja, o Apóstolo Estevam Hernandes e a Bispa Sonia Hernandes não se manifestaram a respeito da ação contra a igreja.













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página