Lauriete canta gospel no Gideões mas sofre rejeição por causa de divórcio

A cantora gospel Lauriete tenta seguir a vida e ministério após anunciar que estava se divorciando do ex-senador Magno Malta.

Cantora gospel Lauriete sofre impacto no Gideões após divórcio.

Na última quinta (02), durante o Congresso Gideões Missionários da Última Hora, em Balneário Camboriú (SC), espaço já bastante conhecido por ela. Mas dessa vez o ambiente não teve tanta familiaridade.

A cantora gospel participa praticamente todos os anos do evento, mas seu 2º divórcio não foi bem visto por grande parte do público. A ideia é de que a Bíblia deixa claro que “Deus odeia o divórcio”, e este seria o segundo na vida de Lauriete.

Além disso, a postura de divórcio não seria, na visão de alguns líderes evangélicos, compatível com a ideia passada pela cantora gospel e o ex-senador na eleição do ano passado, de que seriam representantes da “família tradicional brasileira”.

Embora tenha cantado na noite em que o Gideões recebeu o presidente Jair Bolsonaro (PSL), a participação de Lauriete não foi muito comentada, e a plateia não correspondeu como em anos anteriores.

Em entrevista recente, a cantora disse que “ninguém casa para separar, mas acontece”, sem revelar os reais motivos do divórcio, apontado pela mídia capixaba como fruto de uma descoberta de traição de Magno Malta com a cantora gospel, informação não confirmada pelo ex-casal.

O Gideões desse ano teve como ponto alto desse ano apenas o presidente da república, já que sua programação contou, em grande maioria, com nomes desconhecidos do mundo gospel, e por isso foi considerado de fraca repercussão, levando em conta anos passados.