in

Lua de Sangue e Superlua acontecem nesta quarta-feira (26)

Imagem: Gaston De Cardenas/AFP

Acontece na madrugada da próxima quarta-feira (26), o primeiro Eclipse Total da Lua de 2021, ou melhor a “Lua de Sangue”, isso porque, o satélite fica completamente na sombra da Terra e adquire uma cor avermelhada. A fase total desse eclipse será de curta duração, de cerca de 15 minutos.

Publicidade

O evento será possível, porque a Lua, Terra e Sol encontram-se em alinhamento no espaço. A lua. então, passa pelo cone de sombra projetado pela Terra e por isso ela é escurecida por algum tempo. Quando o eclipse atinge sua totalidade, a Lua assume uma coloração avermelhada.

O eclipse total será visível apenas para aqueles que estiverem no Oceano Pacífico, Antártida, Nova Guiné, parte da Austrália e especialmente, na Nova Zelândia, Havaí e nas ilhas da Polinésia e Micronésia.

Publicidade

Além disso, algumas regiões do Sul da América do Sul, Oeste da América do Norte e Leste Asiático ainda poderão contemplar a fase total. Mas aqui no Brasil, somente algumas áreas poderão ver apenas a fase parcial do eclipse, no final da madrugada do dia 26. O eclipse se inicia às 5h48min (horário de Brasília) com a entrada da Lua na penumbra, uma região de obscurecimento parcial que margeia a sombra que a Terra projeta no espaço. A fase parcial do eclipse poderá ser vista, a partir das 6h45 (horário de Brasília).

No Acre, os moradores poderão acompanhar melhor o evento, pois mais de 80% da Lua estará encoberta pela sombra da Terra.

Além do eclipse total, acontece nesta quarta-feira (26), a maior superlua deste ano, nome dado para luas novas e cheias que acontecem no perigeu, como é chamado o ponto da órbita lunar mais próximo da Terra.

Durante esse período, o satélite fica a 363 mil km do planeta Terra. Por estar mais perto, a Lua parecerá maior e mais brilhante que o normal. Essa é a segunda e a maior superlua deste ano — na primeira, em 26 de abril, o satélite estava 157 km mais longe que agora.

Publicidade
Mapa de visibilidade do eclipse lunar total de maio de 2021 – Foto: Reprodução/Nasa/Scientific Visualization Studio

PROFECIAS

Os eclipses lunares, conhecidos como Lua de Sangue, sempre são associadas a profecias descritas na Bíblia. Mas, a Palavra de Deus se referem ao fenômeno sempre apontando para um evento único, de acordo com o professor Christopher J. Katulka.

“A profecia bíblica certamente fala de uma lua de sangue. O profeta Joel teve uma visão sobre ela quando profetizou sobre ‘o grande e terrível Dia do Senhor’. Mais tarde, Lucas citou Joel em Atos 2.20, e o apóstolo João usou a mesma profecia em Apocalipse. Cada vez que a lua de sangue é mencionada, é em conjunção com outros eventos cósmicos que ocorrem simultaneamente. Portanto, se uma lua de sangue ocorreu, também deveremos esperar um sol escurecido e somente uma lua de sangue, não tétrades. Além do mais, cada escritor [bíblico] apontava para o mesmo acontecimento futuro”, disse Katulka.

“Existe apenas uma ‘lua de sangue’ bíblica, e ela brilhará em lugar de um Sol escurecido e de estrelas apagadas, quando o Senhor julgar este mundo. Até então, cada lua de sangue é um exemplo da majestosa obra das mãos de Deus”, concluiu o professor, ao portal Gospel Mais.

Marcha Para Jesus fará carreata beneficente em São Paulo

Ex-noiva de Thiago Maia confirma que foi traída pelo jogador: “Traiu meus sentimentos”