Ludmilla é criticada após ler a Bíblia por ser gay e rebate: “Se acham sem pecado”

Ludmilla tem grande prazer em ser evangélica, mas sua orientação homoafetiva rende-lhe muitas críticas do mundo gospel.

Brunna Gonçalves e Ludmilla.
Brunna Gonçalves e Ludmilla.

Essa semana, a namorada da cantora, Brunna Gonçalves, publicou uma imagem em que Ludmilla aparece deitada na cama com o celular, e uma legenda que indicava a leitura da Bíblia pela cantora.

“Fui apagar a luz e vi essa cena linda, meu bebê deitada lendo a Bíblia, eu amo tanto. Sou muito abençoada!”, escreveu Brunna. Ludmilla não perdeu tempo e respondeu: “Eu te amo tanto”.

O post começou a render comentários positivos e negativos, entre pessoas que apoiavam o relacionamento das duas, e outras que questionavam o fato da Bíblia não permitir a homoafetividade.

“Como Deus pode abençoar esse casal? Isso é abominável”, disse uma seguidora.

Ludmilla não deixou por menos, e respondeu a crítica com uma reflexão sobre a hipocrisia.

“Essa geração está equivocada. Condenam as pessoas que fraquejam. Se acham maiores espiritualmente que todos porque frequentam igrejas, se acham mais santos que o Espírito Santo. Pior do que cair e ser exposto como alguém que fraquejou é viver caído pela própria soberba e orgulho de se achar único e sem pecado. Hipócritas”, disparou a cantora.