Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Lula, Kleber Lucas e artistas lançam jingle contra abstenção: “Vamos lá votar”

Publicado

em

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva publicou nesta segunda-feira (24/10), um jingle com artistas parodiando a música “Não Quero Dinheiro”, de Tim Maia. A letra da paródia pede para os brasileiros votarem no próximo domingo, no 2º turno da eleição presidencial. Entre os artistas estava o cantor gospel Kleber Lucas [Assista no final desta matéria].

O jingle reforça a importância do voto e mira a diminuição da abstenção. O vídeo traz uma nova versão da música de Tim Maia, e conta com a participação de nomes como Sandra de Sá, Luísa Sonza, Caetano Veloso e Mart’nália, além do cantor cristão.

“Vou pedir pra você votar, vou pedir pra você votar. Este ano, vem votar também. (…) A família inteira inteira, juntos lá votando. Todos no domingo estamos te esperando. Povo brasileiro o voto é secreto. Vamos lá votar, votar, votar, votar, votar”, fala o trecho inicial do jingle.

Em outro trecho, os artistas fazem referência ao passe livre no transporte público – gratuidade da passagem que será adotada em várias capitais do país no domingo (30/10), para facilitar a ida dos eleitores aos locais de votação.

“Passe livre no ‘busão’ tá tudo bem. Vai de Uber, vai de táxi ou de trem… A carona pega com alguém”, cantam Sandrá de Sá e Luísa Sonza.

Kleber Lucas faz uma breve participação no clipe. Além de ser o primeiro artista a aparecer no vídeo, o cantor gospel aparece cantando sozinho um outro trecho da canção:

“É um direito e um dever que a gente tem. Leva a sogra e o cunhado lá também esse ano pra votar com amor”, canta o artista gospel.

No primeiro turno da eleição deste ano, 20,9% dos eleitores não compareceram às urnas. Foi a maior taxa desde 1998 (20,3%), quando Fernando Henrique Cardoso (PSDB) foi reeleito presidente.

É a segunda vez que Kleber Lucas faz participação em clipe com conteúdo eleitoral. Há uma semana, o cantor gospel Leonardo Gonçalves lançou uma música criticando a relação entre as igrejas evangélicas e o bolsonarismo. Com participações de Kleber Lucas, Dona Kelly, Clovis, Sarah Renata, Tiago Arrais, João Carlos Jr., e o rapper MN NC, a canção foi lançada na segunda-feira (17/10), e trás fortes críticas à gestao de Bolsonaro.







+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página