Conecte-se conosco

Mundo Cristão

Malafaia pede que fieis evitem beijos na igreja contra Coronavírus: ‘Não somos alienados’

Publicado

em

O pastor Silas Malafaia aderiu em sua igreja à recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) que orienta as pessoas a evitarem abraços, beijos e apertos de mão, para não darem espaço a contágios do Covid-19, o novo Coronavírus.

Na última ceia da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), ocorrida nesse domingo (01), os fieis receberam do pastor a mensagem de que deveriam ser prudentes.

Covid-19 corre risco de tornar-se pandemia global. Imagens: Science.
Covid-19 corre risco de tornar-se pandemia global. Imagens: Science.

“Não vamos brincar, não somos alienados e idiotas, achando que estamos imunizados e que nada vai nos pegar… a Bíblia manda a gente ser prudente”, explicou Silas Malafaia.

O alerta veio após o Ministério Público anunciar que iria investigar uma igreja evangélica que estava oferecendo promessas de cura e proteção contra o novo vírus aos fieis, o que se enquadra no crime de charlatanismo, previsto no Código Penal Brasileiro.

Segundo o jornal O Globo, Silas Malafaia também afirmou que, assim como não é prudente negligenciar os cuidados que se deve ter com o vírus, não é interessante que as pessoas fiquem “emocionalmente abaladas” com a doença.

Dados do Ministério da Saúde apontam que, até o momento, o Brasil está com 488 casos suspeitos da Covid-19, com 2 casos confirmados da doença no país, ambos na cidade de São Paulo (SP). Os especialistas afirmam, no entanto, que não há motivo para pânico, por enquanto.













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página