in

Malafaia pede que fieis evitem beijos na igreja contra Coronavírus: ‘Não somos alienados’

Publicidade

O pastor Silas Malafaia aderiu em sua igreja à recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) que orienta as pessoas a evitarem abraços, beijos e apertos de mão, para não darem espaço a contágios do Covid-19, o novo Coronavírus.

Na última ceia da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), ocorrida nesse domingo (01), os fieis receberam do pastor a mensagem de que deveriam ser prudentes.

Covid-19 corre risco de tornar-se pandemia global. Imagens: Science.
Covid-19 corre risco de tornar-se pandemia global. Imagens: Science.

“Não vamos brincar, não somos alienados e idiotas, achando que estamos imunizados e que nada vai nos pegar… a Bíblia manda a gente ser prudente”, explicou Silas Malafaia.

O alerta veio após o Ministério Público anunciar que iria investigar uma igreja evangélica que estava oferecendo promessas de cura e proteção contra o novo vírus aos fieis, o que se enquadra no crime de charlatanismo, previsto no Código Penal Brasileiro.

PUBLICIDADE

Segundo o jornal O Globo, Silas Malafaia também afirmou que, assim como não é prudente negligenciar os cuidados que se deve ter com o vírus, não é interessante que as pessoas fiquem “emocionalmente abaladas” com a doença.

Dados do Ministério da Saúde apontam que, até o momento, o Brasil está com 488 casos suspeitos da Covid-19, com 2 casos confirmados da doença no país, ambos na cidade de São Paulo (SP). Os especialistas afirmam, no entanto, que não há motivo para pânico, por enquanto.

Publicidade

Pe. Fábio de Melo diz que matéria do Fantástico com trans é verdadeiro evangelho

Marido de Perlla afirma que foi expulso de igreja após ela trocar gospel por funk