Conecte-se conosco

Política

Moraes atende pedido de Lula e antecipa diplomação para 12 de dezembro

Publicado

em

Alexandre de Moraes e Lula - Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images

O ministro Alexandre de Moraes, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), atendeu ao pedido de Luiz Inácio Lula da Silva e marcou a diplomação do presidente eleito e do vice-presidente eleito, Geraldo Alckmin, para o dia 12 de dezembro.

A cerimônia estava prevista inicialmente para o dia 19, data-limite para o TSE concretizar o rito. Então, o evento foi marcado para às 14h, numa segunda-feira, na sede do tribunal, em Brasília (DF).

A entrega do diploma oficializa o resultado das urnas. É o último passo do processo eleitoral e, também, é uma condição formal para a posse, marcada para 1º de janeiro.

A partir da diplomação, Lula e Alckmin estão aptos para o mandato.

Em conversa com lideranças do MDB na última segunda-feira (28/11), Lula disse que pretende aguardar a diplomação para anunciar os nomes da maioria de seus futuros ministros. Os únicos que podem ser anunciados antes seriam o da Defesa e o da Fazenda.

Publicidade

+ Acessadas da Semana