in

Padre planejava fazer missa para “queimar máscaras” mas morre de Covid-19 em SP

Um padre de Mogi das Cruzes (SP), que morreu na última terça-feira, 8, por complicações da covid-19, planejava realizar uma missa para queimar máscaras e comemorar o fim da pandemia. As informações são do Catraca Livre.

Publicidade

Francisco Deragil de Souza, 53 anos, estava internado há cerca de 15 dias no Hospital Jardim Helena, em São Miguel Paulista, no extremo leste de São Paulo, com um quadro grave de pneumonia. As informações são do G1.

Os primeiros testes para verificar se o pároco estava infectado com o novo coronavírus deram negativo. O último exame que o padre Francisco fez, um dia antes de morrer, deu positivo.

A missa de despedida do padre, na quarta-feira, 9, reuniu dezenas fiéis na Paróquia Nossa Senhora Aparecida e São Roque, no distrito de Brás Cubas, onde era pároco. Sem a possibilidade de velório, o carro da funerária passou pela igreja e os fiéis se despediram com rosas e aplausos.

“Ele falou assim: ‘Gente, quando isso passar, vamos cada um trazer a sua máscara e nós vamos fazer uma missa especial para queimar todas, para mostrar que nós vencemos a covid-19’. Infelizmente, ele não conseguiu”, relatou José Luiz Felipe Santiago, que faz parte do grupo musical da paróquia.

Publicidade

Evangélica, Sasha evangelizou a mãe, Xuxa Meneghel, em momento de muita dor

Testemunha diz que filha de Flordelis atirou no pênis de Anderson do Carmo