Pastor decepa mão de esposa por ciúmes e se entrega à Polícia em Rondônia

Mais um pastor evangélico está envolvido em casos de violência contra a mulher. Desta vez, o homem confessou que decepou a mão de sua esposa, por mero ciúmes.

Pastor decepa mão de companheira por ciúmes.
Pastor decepa mão de companheira por ciúmes.

Pastor Josemar, como é conhecido, tem 49 anos, e também trabalhava como vendedor de verduras na região da Estrada da Areia Branca, zona sul de Rondônia. A vítima foi identificada como Juliete Coutinho da Costa, de 28 anos.

Segundo informações da família, há cerca de 7 meses o casal começou as turbulências em casa, quando o agressor desconfiou que a vítima estava mantendo um caso extra-conjugal.

O pastor evangélico teria pegado, inclusive, conversas dela com outro homem em aplicativos sociais para celular. Revoltado, ele decidiu amputar a mão da esposa.

Os vizinhos chegaram a socorrê-la, levando ela e a mão decepada ao hospital, mas os médicos não conseguiram reimplantar o órgão. O pastor decidiu se entregar na tarde de ontem (11), na Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (Deam) de Rondônia, onde confessou o crime.

No entanto, por possuir bons antecedentes criminais, e ter se apresentado de forma espontânea, ele responderá em liberdade pelo crime de feminicídio, em sua forma tentada, podendo ser condenado a pena de reclusão com base no art. 121 do Código Penal Brasileiro.

A vítima segue internada no Pronto Socorro João Paulo II, sem previsão de alta.