in

Pastor líder da Assembleia de Deus no Mato Grosso morre de Covid-19

O pastor Rubens Siro de Souza, de 68 anos, que é vice-presidente das Assembleias de Deus em Mato Grosso, faleceu na manhã desta sexta-feira (03) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital e Maternidade Femina, em Cuiabá, vítima da Covid-19.

Publicidade

Rubens estava respirando por aparelhos há uma semana, após ser internado para tratar a doença causada pelo novo Coronavírus. Hoje ele teve paralisia renal, e acabou falecendo.

O pai do pastor Rubens, pastor Sebastião Rodrigues de Souza, de 89 anos, que é o presidente da Assembleia de Deus no Mato Grosso, também está internado no mesmo hospital, com Covid-19. A mãe de Rubens, Nilda de Paula, de 85 anos, também contraiu a doença, mas apresenta um quadro estável e deve receber alta nesse fim de semana.

Rubens Siro, que morreu nesta sexta-feira, liderava a Igreja Evangélica Assembleia de Deus Sub-Sede Várzea Grande, e deixa a esposa, Taís Toledo, além de três filhos e um neto.

PUBLICIDADE

O pastor também era o primeiro vice-presidente da Comademat (Convenção de Ministros das Assembleia de Deus no Estado do Mato Grosso), e era o sucessor direto do pastor Sebastião.

A Assembleia de Deus em Mato Grosso possui o maior templo da denominação do mundo, o Grande Templo, localizado na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (do CPA). O local tem capacidade para receber mais de 23 mil pessoas.

Ontem (02), a presidência da igreja decidiu fechar todos os templos no estado do Mato Grosso, após a família do pastor Sebastião contrair a Covid-19.

Publicidade

Baú que apareceu em praia do nordeste é de navio que afundou em 1944

Priscilla Alcantara diz que quis chorar ao ver evangélica agredindo gay