Conecte-se conosco

Polêmicas

Cantora apontada como amante do pastor Daniel Nunes está com depressão

Daniel Nunes renunciou ao cargo de presidente da AD Campina Grande devido a um caso de adultério

Publicado

em

Pastor Daniel Nunes - Foto: AD Campina Grande

Ainda repercute nas redes sociais a renúncia do pastor Daniel Nunes da liderança da Igreja Evangélica Assembleia de Deus de Campina Grande (PE). Além disso, o motivo do seu afastamento vem dando o que falar na internet.

Como é de conhecimento de todos, Daniel decidiu se afastar de suas funções por estar envolvido em adultério. Na web, informações dão conta de que a mulher, que é cantora da igreja, teria revelado o caso para a nova diretoria da Igreja, logo após a renúncia de Daniel.

Ela teria apresentado provas como prints de mensagens trocadas e fotos. Depois disso, o nova presidência da AD Campina Grande convocou a diretoria da AD e juntos resolveram disciplinar Nunes por um ano.

DEPRESSÃO

Segundo o portal Assembleianos de Valor, Priscila Fernandes usou as suas redes para se pronunciar sobre o caso, já que esteve no centro desta polêmica. No seu pronunciamento, afirmou que está sofrendo de depressão e por esse motivo vai se ausentar das redes sociais.

Segundo informações, ela estaria insatisfeita com o religioso por ele não a querer mais. Como resultado, decidiu revelar o caso extraconjugal do agora ex-presidente da AD Campina Grande.

Ainda segundo fontes de Campina Grande, Priscila Fernandes teria vindo da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), mas logo foi colocada em posição de destaque por Daniel Nunes, como apresentadora do programa de televisão da Igreja. De acordo com o portal, ninguém desconfiou do que estava por trás de ‘tanta bondade’.

Na última segunda-feira (30/05), aconteceu um culto de despedida do pastor Daniel Nunes no templo Sede da AD em Campinas Grande. Na ocasião, o pastor explicou o motivo de seu afastamento. Leia os detalhes AQUI!













+ Acessadas da Semana

Você não pode copiar o conteúdo desta página