in

Cristãos chineses estão com medo do Coronavírus e clamam por ajuda

Cristãos da cidade chinesa de Wuhan estão preocupados com o surto do novo Coronavírus que tem assolado o país e já matou quase 200 pessoas.

Publicidade

Segundo o Barnabas Fund, uma fonte local enviou um comunicado à imprensa, para que mobilizem cristãos que possam ajudar outros cristãos na região. O panorama descrito é assustador.

“Isso é realmente sério. As pessoas estão com medo. Cerca de 11 milhões de cidades estão em quarentena. Um grande número de vídeos está andando na rede, enquanto as pessoas simplesmente caem na rua, vídeos com balcões de lojas vazias, vídeos de hospitais lotados com gritos e gritos de partir o coração, com cadáveres cobertos nos corredores dos hospitais”, descreveu.

A fonte que escreveu a carta à associação disse ainda que as reuniões estão canceladas por enquanto, e que manter a higiene e as orações tem sido tudo que podem fazer por enquanto.

PUBLICIDADE

“Não há nada que possamos fazer sobre isso, só podemos orar, fortalecer a imunidade e manter a higiene. Decidimos, neste momento, recusar reuniões e convidados. Pensamos que não devemos correr riscos. Crentes de toda a China e de todo mundo estão unidos em oração, também convidamos você a orar.”, afirmou.

Aqui no Brasil, o Ministério da Saúde monitora 9 casos suspeitos de Coronavírus, em 6 estados diferentes. O governo federal anunciou que não pretende trazer para o país os brasileiros que estão no exterior sob risco de contaminação, segundo o presidente Jair Bolsonaro.

Publicidade

Mãe tem caso com marido da filha durante lua de mel deles e engravida

Vídeo: Pastor metodista morre em frente aos fieis enquanto pregava