Flordelis: Filho e nora tiveram visão que previa morte do pastor Anderson

Uma nora da cantora gospel Flordelis, identificada como Cristiana, teve uma visão espiritual antes do assassinato do pastor Anderson do Carmo, segundo depoimento prestado à polícia por um dos filhos de Flor.

Cantora gospel Flordelis e filho Flávio dos Santos, que está preso.
Cantora gospel Flordelis e filho Flávio dos Santos, que está preso.

Segundo o jornal O Dia, a nora da cantora gospel “avistou pessoas armadas dentro do quintal da casa (…). Nesta mesma visão, ela afirmou ter visto um homem todo vestido de preto, inclusive usando touca ninja, portando uma arma de fogo. Quando esse homem a viu, fugiu pelo portão dos fundos da casa”, diz o depoimento, prestado por Carlos Ubiraci, filho adotivo de Flordelis e marido de Cristiana, que teve a visão.

Outras testemunhas contaram aos investigadores que o portão dos fundos da casa não possui câmeras e sempre permanecia fechado. Porém, na noite do crime, estava aberto.

Carlos Ubiraci, que prestou esse depoimento, é pastor, vice-presidente do Ministério Flordelis no Mutondo, em São Gonçalo, além de um dos três parentes que são secretários parlamentares da deputada gospel Flordelis. Nesta função, ele recebe R$ 15.698,32.

A visão relatada pela nora de Flordelis, no entanto, não é a primeira premonição feita do assassinato do pastor Anderson do Carmo. Cabe lembrar que, durante o velório do religioso, a própria deputada disse em discurso que um de seus filhos sonhou com a morte de Anderson.

“Essa semana, o Ramon sonhou com a vinda de Jesus. Sonhou que uma foice cortava as coisas boas. Ele não disse se subia. Perguntei para ele o quê subia e ele me disse que apenas uma rosa vermelha subia. Então, eu disse: ‘Deus vai levar alguém da nossa casa’. Agora está aí, nosso pastor. Se tem uma coisa que ele não iria gostar é que hoje, domingo, as portas estivessem fechadas. E o combinado era que, se um de nós fossemos embora, o outro faria o culto mesmo assim, chorando”, contou a cantora gospel Flordelis, que desmaiou e precisou receber atendimento médico.

Dois filhos da deputada gospel estão presos preventivamente, réus no processo por serem, segundo o Ministério Público, os autores do crime. Outros filhos relataram à polícia que Flordelis sabia de tudo, e teria sido a “mentora intelectual” do assassinato.

A cantora gospel publicou uma nota em suas redes sociais, onde afirma que não acredita que será presa, pois defende que é inocente, e não teria vantagem nenhuma na morte do marido.