in

Tio que engravidou criança de 10 anos é preso em Belo Horizonte

A Polícia Civil do Espírito Santo anunciou que prendeu na madrugada desta terça-feira (18) o homem suspeito de estuprar e engravidar a sobrinha, de apenas 10 anos de idade, em São Mateus, no interior do estado.

Publicidade

Por meio de nota, a polícia revelou que o homem foi encontrado na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. Desde que soube das investigações, ele estava foragido.

“A equipe da Polícia Civil de São Mateus confirmou a prisão do suspeito de estupro da menina de 10 anos, realizada na madrugada desta terça-feira, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, em Minas Gerais. A equipe está em deslocamento para o Espírito Santo”, disse a corporação.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), já havia se pronunciado por meio do Twitter, afirmando que a prisão do suspeito deve servir de lição a outras pessoas que pensam em efetuar o mesmo crime.

“A nossa polícia efetuou, nesta madrugada, a prisão do estuprador da menina violentada no no interior do ES. Que sirva de lição para quem insiste em praticar um crime brutal, cruel e inaceitável dessa natureza. Detalhes da operação serão repassados pela equipe segurança ainda hoje”, garantiu.

PUBLICIDADE

A vítima manifestou o interesse em não continuar com a gravidez, e o procedimento foi permitido pela justiça, em conformidade com o que dispõe o Código Penal.

No entanto, o aborto legal foi realizado no Recife (PE), após o Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes, em Vitória (ES), descumprir a decisão judicial que autorizou e determinou a realização do procedimento na vítima, já que o Código Penal permite a interrupção da gravidez nos casos de estupro e/ou quando a vida da mãe está em risco.

Religiosos tentaram impedir, de forma ilegal, que o aborto fosse realizado, mesmo que a legislação atual permita. E chegaram a chamar a criança e o médico responsável de “assassinos”. O Ministério Público Federal afirmou que irá investigar os atos repugnantes feitos contra a criança e os profissionais de saúde.

Publicidade

Pastor de jovens diz que recebemos ‘sêmen de Deus’ e é criticado

Pastor que pediu para jovens se abraçarem em culto pega Covid-19